28 de novembro de 2021Informação, independência e credibilidade

Dia: 12 de setembro de 2021

Sem partidos de oposição, MBL, Novo e Vem Pra Rua fracassam em protesto

Sem partidos de oposição, MBL, Novo e Vem Pra Rua fracassam em protesto

Brasil
O MBL (Movimento Brasil Livre), Vem Pra Rua e o Partido Novo, todos segmentos de direita, convocaram uma manifestação contra o governo Bolsonaro, neste domingo 12, mas sem o PT e o Psol. O resultado foi o fracasso. As manifestações foram convocadas pelo impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em 13 capitais brasileiras e no Distrito Federal. Nem Lula, nem Bolsonaro - O movimento divulgado foi contra o ex-presidente Lula e o atual presidente Jair Bolsonaro. Com o o objetivo definido, o movimento que já foi aliado ao governo Bolsonaro, fracassou na convocação. Os movimentos e partidos envolvidos na convocação defendiam no ato uma terceira via eleitoral, mas não conseguiram levar às ruas um contingente representativo para o protesto. Ao rejeitarem as participaçõ
Campo Grande, o maior curral eleitoral de Alagoas, elege mais um Higino

Campo Grande, o maior curral eleitoral de Alagoas, elege mais um Higino

Política
A disputa eleitoral em Campo Grande, Alagoas, foi decidida entre a ética e o poder a qualquer preço. O eleito foi Téo Higino (Republicanos) por apenas 9 votos de diferença contra o segundo colocado Higino com 3.270 votos (49,83%),  venceu o pleito por apenas 9 votos de diferença. Atrás dele, Cícero Pinheiro (MDB), que liderava durante a apuração, obteve 3.261 votos (49,70%). Campo Grande se apresenta desta forma como um curral eleitoral típico da política alagoana. Com 100% das urnas apuradas, a Justiça Eleitoral confirmou a vitória de Teogenes Higino Melo Lessa. Téo sai vencedor de uma disputa acirrada, marcada por prisões, reviravoltas e pela atuação das polícias e da Justiça eleitoral. A eleição suplementar ocorre, inclusive, menos de um ano após o pleito tradicional e foi determi
Bolsonaro é mesmo o espelho da ignorância humana, até quando teme

Bolsonaro é mesmo o espelho da ignorância humana, até quando teme

Blog, Marcelo Firmino, Política
O Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre Moraes, vai iniciar a semana com 6 processos para decidir sobre o futuro penal do presidente Jair Bolsonaro e familiares. Depois da nota escrita por Michel Temer e assinada por Bolsonaro, intitulada Declaração à Nação, pedindo desculpas pelas agressões ao STF, tudo pode acontecer e o contrário também. Embora as notícias no entorno de Moraes digam que o ministro tende a se manter firme nos processos. Sabendo disso, Bolsonaro foi ao Rio Grande do Sul, no sábado, 11, e fez um novo discurso dizendo que "é preciso respeitar os 3 poderes"... Ora, ora. Diria um mais atirado: -Quem deve, teme. E parece que o temor é tamanho que Bolsonaro se esmerou no dizer: - Precisamos buscar sempre a melhor maneira de nos entendermos para q
Movimento Brasil Livre faz manifestações hoje contra Bolsonaro

Movimento Brasil Livre faz manifestações hoje contra Bolsonaro

Brasil
Eles eram aliados e romperam: Jair Bolsonaro e o  Movimento Brasil Livre (MBL). Neste domingo, 12, o MBL e o movimento Vem Pra Rua marcaram manifestações contra o governo. Eles conseguiram atrair segmentos da esquerda para um ato contra o presidente, mas o protesto ainda não terá a oposição unificada. A avaliação entre os organizadores é que o enfraquecimento de Bolsonaro nas últimas semanas contribuiu para aumentar a adesão. Estarão de fora das manifestações, entretanto o Partido dos Trabalhadores (PT) e o Psol, de Guilherme Boulos. Mas, a manifestação contará com a presença do candidato a presidente Ciro Gomes (PDT), uma vez que os protestos de hoje defendem uma terceira via, sem Lula, nem Bolsonaro. A manifestação na Avenida Paulista foi anunciada ainda em julho, quando os
General diz que Bolsonaro não tem capacidade de cumprir promessas que fez

General diz que Bolsonaro não tem capacidade de cumprir promessas que fez

Brasil
Após recuo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) diante da crise entre os Poderes causada por ele, o general da reserva do Exército Paulo Chagas disse que o governo Bolsonaro “não tem mais condições de recuperar o formato inicial e a capacidade para cumprir a maior e melhor parte das promessas que o elegeram”. “O passado e as atitudes intempestivas, equivocadas e imaturas do presidente e da sua família fizeram com que a equipe de governo perdesse conteúdo, força política, tempo e espaço em um ambiente no qual teria que transitar com inteligência, cuidado e cautela para assegurar a conquista de uma boa parte dos objetivos pretendidos”, escreveu Chagas em um texto direcionado a amigos, neste sábado, 11 de setembro. Paulo Chagas foi candidato a governador do Distrito Federal na
Três candidatos concorrem neste domingo à Prefeitura de Campo Grande

Três candidatos concorrem neste domingo à Prefeitura de Campo Grande

Alagoas
Os eleitores de município de em Campo Grande, no agreste alagoano, voltam às urnas neste domingo, 12, para a eleição suplementar. São mais de 8.446 eleitores que vão escolher prefeito e vice-prefeito da cidade. A nova eleição foi marcada após O novo pleito foi determinado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) indeferir,  em dezembro de 2020, o registro da candidatura do prefeito eleito em outubro, Arnaldo Higino, condenado em caso de corrupção e improbidade administrativa. No atual momento da pandemia do coronavírus, o Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE-AL), estabeleceu quatro locais de votação e 23 seções eleitorais que funcionarão seguindo as regras sanitárias de combate à Covid-19. O uso de máscaras é obrigatório e as aglomerações dentro e nas proximidades dos