26 de setembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Policia

Acusado de assediar mulher, advogado de Bolsonaro é perseguido por marido

Com uma faca em punho, marido da mulher assediada tentou pegar o Frederick Wassef e ambos foram parar na delegacia

Frederick Wassef negou na delegacia que tinha praticado o assédio a uma mulher

No final da tarde deste sábado (21), o advogado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Frederick Wassef, se envolveu em uma discussão em uma casa de carnes no Lago Sul e acabou perseguido por homem com uma faca.

Inicialmente, segundo testemunhas, o advogado teria dado em cima de uma mulher que, no momento, estava sozinha. Porém o suposto marido da mulher apareceu e começou a perseguir Wassef com uma faca.

A Polícia Militar do Distrito Federal foi acionada e encaminhou Wassef e o homem, ainda não identificado, para a 10ª DP para prestarem depoimento.

Ainda assim, o advogado nega ter assediado a mulher. “É uma mulher de quase 60 anos. Quase morri.” Segundo ele, o marido dela o ameaçou por ser advogado de Bolsonaro.

“Passei a ser ofendido por uma senhora que não gosta do presidente. Essa mulher vai embora, volta com o marido, e ele tenta me assassinar com uma facada na barriga”, continuou.