28 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Alagoas

ALE aprova reposição salarial e reestruturação de carreiras de servidores

Para que os servidores possam usufruir dos benefícios ainda este ano, as matérias precisam ser sancionadas até o dia 2 de abril

Vinte projetos de lei que tratam da reestruturação das carreiras e revisão salarial dos servidores públicos do Estado de Alagoas foram aprovados pelos parlamentares na sessão desta quarta-feira, 16.

Este é o maior pacote de reforma administrativa já feita pelo Estado desde a promulgação da Constituição alagoana, em 1989, beneficiando 26 categorias de servidores públicos de níveis elementar, médio e superior. Cerca de 16 mil servidores serão contemplados.

As matérias foram votadas em segunda votação e seguem agora para serem sancionadas pelo governador do Estado. Os projetos de lei já tinham recebido pareceres favoráveis nas comissões de Constituição e Justiça; de Orçamento e Finanças; e de Administração da Casa. Para que os servidores possam usufruir dos benefícios ainda este ano, as matérias precisam ser sancionadas até o dia 2 de abril próximo.

Renan Filho

De acordo com Renan Filho, esta é a mais ampla revisão salarial provavelmente da história de Alagoas. Os detalhes sobre as 27 minutas de reestruturação de carreiras foram dadas ao lado do deputado estadual Paulo Dantas:

“Vamos enviar o aumento geral para os servidores, para todas as carreiras que estão sendo reestruturadas, um aumento de 10%. Para as carreiras de segurança, que não estão participando dessa reestruturação, um aumento de 15%. A Polícia Civil, a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros e servidores do Detran. Também vamos enviar o projeto com a revisão do novo quadro organizacional da PM e do Bombeiros, o que também deve reduzir judicialização e facilitar progressão com novas vagas”. Renan Filho.

Paulo Dantas ao lado do governador, no anúncio dessa medida, indica que ele deve mesmo ser o candidato que Renan Filho apoiará como governador nas eleições desse ano. Renan disse, inclusive, o próprio presidente da Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE), deputado Marcelo Victor, solicitou Dantas, líder da maioria na Casa, entregasse os pedidos.