26 de setembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Esportes

CRB magnífico, atropela o Brusque, e assume a vice liderança da série B: 3 a 0

Galo só precisou do primeiro tempo para marcar os três gols

CRB faz 3 a 0 no Brusque com direito a gol olímpico de Diego Torres

O CRB, magnífico, não toma conhecimento do Brusque, de Santa Catarina, no Estádio Rei Pelé  e faz 3 a 0 pela série B do campeonato brasileiro, nesta quinta-feira, 12.

O Galo brilhou em campo e chegou aos 31 pontos na 17ª rodada do campeonato, assumindo a vice liderança da competição com mérito.

Os gols foram marcados pelo meia Diego Torres, pelo volante Marthã e pelo atacante Pablo Dyego, mas o maior destaque ficou pelo gol olímpico do camisa 10 Torres, logo aos sete minutos do primeiro tempo.

Sereno e sobrando em campo, aos 15 minutos do primeiro tempo o CRB já ganhava do time catarinense por 2 a 0. Em cobrança de falta de Diego Torres, Marthã se antecipou ao zagueiro Claudinho e cabeceou no canto esquerdo, sem chances de defesa para Zé Carlos.

O Brusque se sentiu atropelado pelo Galo de campina, quando aos 39 minutos os alvirrubros chegaram ao terceiro gol.  Após cruzamento pela direita, Gum cabeceou para ótima defesa de Zé Carlos. No rebote ainda dentro da área, Pablo Dyego soltou um canudo e estufou as redes do Brusque. CRB brilhante: 3 a 0.

O CRB ainda teve duas oportunidades de ampliar o marcador com Eric e Marthã, que chutaram a bola na trave do Brusque no segundo tenpo da partida.

FICHA TÉCNICA
CRB X BRUSQUE:

Local: Estádio Rei Pelé, Maceió (AL)
Árbitro: Lucas Paulo Torezin (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Jefferson Cleiton Piva (PR)
​Cartões amarelos: Pablo Dyego, Diego Torres (CRB); Bruno Alves, Ianson (BRU)

GOLS: Diego Torres (7’/1°T) (1-0), Marthã (15’/1°T) (2-0), Pablo Dyego (39’/1°T) (3-0)

CRB (Técnico: Allan Aal)

ESCALAÇÃO: Diogo Silva; Reginaldo, Gum (Ewerton Páscoa, aos 30/2ºT), Caetano e Guilherme Romão; Marthã, Jean Patrick (Wesley, aos 30/2ºT) e Diego Torres (Renan Bressan, aos 17/2ºT); Pablo Dyego (Emerson Negueba, aos 16/2ºT), Júnior Brandão e Jajá (Erik, aos 16/2ºT).

BRUSQUE (Técnico: Jerson Testoni)

ESCALAÇÃO: Zé Carlos; Ianson (Sandro, aos 27/2ºT), Claudinho, Everton Alemão e Alex Ruan; Nonato (Fio, aos 16/2ºT), Rodolfo (Pepê, aos 39/2ºT), Garcez e Bruno Alves (Diego Mathias, aos 27/2ºT); Edu (Jonatha, aos 39/2ºT) e Thiago Alagoano.