22 de outubro de 2020Informação, independência e credibilidade
Política

Documentário de Davos mostra Bolsonaro ansioso para explorar Amazônia com os EUA

Em flagra de conversa com Al Gore, presidente se apresenta como “Capitão do Exército” e ignora preocupação com a floresta

O ex-vice presidente dos EUA, Al Gore, esteve na reunião de Davos e uma rápida conversa dele com o presidente Jair Bolsonaro, ao lado do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, foi flagrada por uma equipe que finaliza o evento que reuniu liderança de todo o mundo.

E no trecho em que se apresenta como capitão do Exército, fazendo questão de dizer ser inimigo do fundador do Partido Verde, Alfredo Sirkis”, morto em um acidente de carro em junho deste ano, depois deste ser mencionado por Al Gore ao iniciar a conversa, Bolsonaro se mostra extremamente empolgado em compartilhar as riquezas da Amazônia com os EUA.

À época do encontro em Davos, o mundo demonstrava preocupação com as queimadas e destruição da floresta. E Bolsonaro, provavelmente ignorante do fato de Al Gore ter vencido o Nobel da Paz em 2007, por seu ativismo ambiental contra o aquecimento global, fez o americano ter sido pego de surpresa, sobre como uma mensagem a favor da floresta virou um convite para exploração e mais destruição.

Documentário

No documentário O fórum (no original, Das Forum), do cineasta alemão Marcus Vetter, que estreou na Alemanha na terça-feira 5, é possível assistir, sem filtros, à atuação de Bolsonaro quando lida com o resto do mundo em eventos internacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.