24 de janeiro de 2022Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Emater investe quase R$ 7 milhões na compra e doação de 2,6 mil toneladas de alimentos do PAA em 2021

PAA teve um aumento de 204% no número de famílias atendidas desde o seu início, passando de 499 famílias em 2017 para 1.518

Foto: Ascom/Emater

Drante o ano 2021, o Instituto de Inovação para o Desenvolvimento Rural Sustentável de Alagoas (Emater) realizou um investimento de R$ 6,9 milhões no Programa de Adesão de Alimentos (PAA), para a compra e doação simultânea de 2,6 mil toneladas de produtos (raízes, tubérculos,  frutas, processados e panificados, hortaliças, cereais, dentre outros).

A quantia investida ultrapassou a do ano anterior, que foi de R$ 6,8 milhões. Ao todo foram 78 municípios beneficiados, contando com mais de 1.500 agricultores fornecedores e 121 unidades receptivas e distributivas, cereais

Em relação aos alimentos distribuídos, as raízes e os tubérculos corresponderam a 41% do total, sendo o restante dividido entre frutas (28%); processados e panificados (16%); hortaliças (5%); produtos de origem animal (4%); cereais (3%); e olerícolas folhosas (3%).

O coordenador do PAA em Alagoas, Vinícius Brito, avaliou que os impactos no estado são positivos, uma vez que a Emater baseia a renda média familiar no salário mínimo. Dessa forma, a verba dos agricultores beneficiados com o programa pode chegar a R$ 6 mil e corresponder a 43% da renda bruta dessas famílias.

“O PAA traz a participação dos agricultores familiares e mostra o potencial que o programa tem de beneficiar as pessoas que estão em situação de vulnerabilidade social, além de ajudar os agricultores que estão à margem da comercialização ou que tenham dificuldades em vender seus produtos. O projeto garante um valor justo e oferece alimentos de qualidade a quem mais precisa”, pontuou.

Programa de Aquisição de Alimentos (PAA)

Realizado por meio de uma parceria entre a Emater Alagoas e o Ministério da Cidadania, o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), modalidade compra com doação simultânea, é uma política pública que vem se tornando um marco para a independência da agricultura familiar no estado, principalmente por consolidar e ampliar os canais de comercialização destes produtos.

O projeto beneficia os agricultores familiares e suas organizações pela dinâmica da comercialização da produção com preços justos e pela melhoria da segurança alimentar e nutricional do alimento ofertado. Desde 2017, o investimento total foi de R$ 27,2 milhões, para a entrega de mais de 10,7 mil toneladas de alimentos.

O PAA teve um aumento de 204% no número de famílias atendidas desde o seu início, passando de 499 famílias em 2017 para 1.518 em 2021. Esse número também cresceu em relação a porcentagem de mulheres que vendem seus produtos diretamente para o PAA, correspondendo a 54% de todas as vendas.,