20 de abril de 2021Informação, independência e credibilidade
Maceió

Equipamentos da Assistência Social de Maceió aguardam acordo com Braskem

Cras do Bom Parto e abrigo de idosos aguardam novo acordo entre as partes para grandes equipamentos

Reunião discute transferência de dois equipamentos da assistência social. Foto: Erik Maia/Secom Maceió

Uma reunião nesta quinta-feira (21) esclareceu o andamento da transferência de dois equipamentos da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) – um abrigo de idosos e um Cras (Centro de Referência da Assistência Social) – que funcionavam na área afetada pela movimentação do solo.

A reunião foi entre o secretário municipal de Assistência Social, Carlos Jorge, o gerente de relações institucionais da Braskem, Milton Pradines, o coordenador Gabinete de Gestão Integrada para a Adoção de Medidas de Enfrentamento aos Impactos do Afundamento dos Bairros (GGI dos Bairros), Ronnie Mota, e técnicos do município e o departamento jurídico da mineradora, que participou da reunião por vídeo conferência.

Para a Emy Oliveira, que está à frente dessas transferências pela Semas, a realocação desses equipamentos depende de avaliações que vão desde acesso à questão estrutural.

Na reunião, ficou definido que a empresa irá reencaminhar uma série de ofícios sobre o andamento das transferências dos equipamentos públicos, bem como a reinstalação deles em nova área.

O abrigo, que é particular, já foi transferido para o bairro da Gruta de Lourdes, e já está incluído no programa de compensações. Ainda assim, segue na fila para recebimento das indenizações que deverão ser pagas pela Braskem.

Outro processo referente a indenização financeira pelo imóvel desse abrigo tramita junto a Secretaria de Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente (Sedet).

Já o Cras do Bom Parto segue atendendo no mesmo local, mas está aguardando a realocação da Braskem para uma região segura.