14 de julho de 2024Informação, independência e credibilidade
Corrupção

Escândalo da joias tem repercussão internacional após relatório da PF

O relatório da Polícia Federa tem 400 páginas com mensagens, áudios e fotos sobre o roubo das joias

Em um relatório com 400 páginas, a Polícia Federal (PF) traz uma série de elementos que indicam a participação do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) no desvio e na venda de presentes de luxo recebidos pelo governo brasileiro, que se encerrou em 2022.

No relatório estão mensagens, fotografias e documentos analisados pela investigação que mostram que Bolsonaro sabia do esquema das vendas de joias, que lhe rendeu mais de R$ 6,8 milhões.

O caso das joias teve repercussão internacional. O jornal suíço Le Temps explica em sua edição desta terça-feira (9/7) que “Jair Bolsonaro é acusado de tentar roubar US$ 1,2 milhão em joias”.

Na França, o Le Monde também noticiou o escândalo e deu detalhes sobre os objetos envolvidos no caso. “Os presentes incluíam um anel, um colar e brincos da marca suíça Chopard no valor de cerca de US$ 828.000, bem como relógios Chopard e Rolex de ouro e diamante e outras joias”, conta o vespertino, reproduzindo as informações divulgadas pela polícia brasileira.

Já o jornal francês Libération, que acompanha o caso desde a semana passada, escreve que “nos países democráticos, os presentes oferecidos aos chefes de Estado por convidados estrangeiros tornam-se parte do patrimônio nacional e nunca são considerados presentes pessoais”. “No entanto”, compara o diário, “Jair Bolsonaro e sua comitiva tentaram contornar essa regra”.

No inglês The Guardian:

“O populista sul-americano, admirador de Donald Trump, ainda não comentou as últimas alegações contra ele, mas já havia negado qualquer irregularidade durante seu período como presidente”, resume o jornal britânico The Guardian, que apelidou o caso das joias de Jewellerygate.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.