17 de setembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Artigo

Escola Creche Zilda gama fecha as portas após 100 anos de atividades

Escola era dirigida pelo Centro Espírita Alagoano Melo Maia

Por Cláudia RC Lima

Creche Escola Zilda Gama fecha em agosto

Dia 27 de junho a Escola Creche Zilda Gama completou 101 anos de existência, um Centenário de uma instituição filantrópica fundada em 27 de junho de 1920. Inicialmente dirigida por uma “comissão de instrução”, um departamento do Centro Espírita Alagoano Melo Maia (CEAMM) composta de 17 senhoras da nossa sociedade, sob a presidência da Sra. Teodorica Bulhões.

Funcionou como Escola até meados de 1976 quando interrompeu suas atividades. Em 1979, a Sra. Terezinha Madeiro Ramos, frequentadora e colaboradora do CEAMM notando o abandono em que se encontrava a sede da Escola, resolveu lançar mãos à obra com o intuito de reabrir a instituição, conseguindo voltar as atividades já como Escola Creche, com uma sala de aula e abrigando 20 crianças. Com as doações de muitos colaboradores ao longo desses anos atendeu de 60(sessenta) a 80 (oitenta) crianças de 03 a 05 anos em três turmas com Educação Infantil, por ano. As crianças recebiam 02 refeições (café da manhã e almoço); orientação pedagógica; assistência médica e nutricional, somados a muito amor e carinho por parte de todos que fazem a Escola Creche Zilda Gama.

Mesmo com esse legado centenário de caridade com atendimento as crianças em vulnerabilidade social, encerrará suas atividades em breve (agosto/2021). Deixará no coração de mais de 3(três) mil crianças, hoje muitos adultos, um sentimento de saudades do local onde foram cuidadas, amadas e para muitas o início de uma vida acadêmica futura.

Para nós que fizemos a Escola Creche Zilda Gama: coordenação, professores, nutricionistas, médicos, pessoal de apoio administrativo, voluntários e os colaboradores/doadores, que ao longo de mais de 40 anos contribuíram e confiaram na realização de nossos trabalhos, nossa profunda gratidão. E para constar nossa fonte de renda sempre foi a de doações, sem nenhum apoio governamental, ou de qualquer outra instituição.