29 de novembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Maceió

JHC apresenta obras para secretário do Ministério da Infraestrutura

Marcelo Sampaio cumpriu agenda em Maceió e pôde acompanhar obras do Parque da Lagoa e do terminal de passageiros do Porto

O prefeito de Maceió, JHC, esteve durante a tarde desta terça-feira (23) visitando as obras do Residencial Parque da Lagoa, no Vergel do Lago, e do novo Terminal de Passageiros do Porto de Maceió.

O prefeito esteve acompanhado do secretário-executivo do Ministério da Infraestrutura, Marcelo Sampaio, que cumpriu agenda na capital alagoana.

Na ocasião, o gestor apresentou o andamento das obras para o secretário e falou da importância de cada uma delas para Maceió.

“A obra do Parque da Lagoa está ficando ainda mais bonita e a gente fica muito feliz, porque essa obra é um orgulho para a gente, e por receber visitantes ilustres que nos ajudam. Queria agradecer ao secretário pela visita e pela gentileza com nosso povo, que tem um sonho antigo em ter a residência adequada”. JHC.

O Residencial Parque da Lagoa está ganhando forma, e conta com estrutura de 89 blocos de apartamentos. Desses, 42 já foram levantados, o que equivale a 28% de obra concluída. Quando pronto, o espaço contará com 1.776 residências atendendo a 7 mil pessoas que vivem da pesca de peixes e mariscos da Lagoa Mundaú.

O secretário-executivo do Ministério da Infraestrutura, Marcelo Sampaio, parabenizou o prefeito pelo andamento da obra.

“A gente agradece a receptividade do prefeito JHC, que está vivenciando um passo concreto, dando dignidade para essa comunidade, e viemos conferir de perto o andamento desta obra”. Marcelo Sampaio.

Além de visitar o Residencial Parque da Lagoa, o prefeito também apresentou as obras do novo Terminal de Passageiros do Porto, que terá capacidade para atender 2 mil pessoas por dia, e contará com a infraestrutura adequada para receber os visitantes que desembarcam em cruzeiros.  O local conta com área total de 1.668,13 m². O empreendimento tem investimento de R$ 6,7 milhões do governo federal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.