11 de agosto de 2022Informação, independência e credibilidade
Maceió

JHC lança auxílio-transporte para trabalhadores desempregados

Município pretende alcançar, inicialmente, mil pessoas que se enquadrem no perfil de desemprego

Prefeito JHC lança auxílio-transporte para trabalhadores desempregados
Auxílio-transporte tem como objetivo possibilitar o deslocamento do cidadão em busca de trabalho . Foto: Joyce Juliana / Ascom SMTT
A Prefeitura de Maceió lançou nesta quinta-feira (28), o auxílio-transporte temporário para trabalhadores que estejam desempregados. O benefício poderá ser concedido a até mil pessoas que cumpram os requisitos da portaria que será publicada nesta sexta-feira (29), no Diário Oficial do Município (DOM), e tem duração de 60 dias.

No início da tarde desta quinta (28), o prefeito de Maceió, JHC, publicou em suas redes sociais sobre o benefício. “O auxílio-transporte garante 12 passagens gratuitas por mês, uma oportunidade fundamental para quem busca trabalho”, informou o prefeito.

De acordo com a portaria conjunta assinada hoje pelos gestores da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) e da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), o auxílio-transporte tem como objetivo possibilitar o deslocamento do cidadão em busca de trabalho nos ônibus urbanos de Maceió, tendo em vista o aumento do desemprego provocado pela pandemia de covid-19.

https://twitter.com/JHC_40/status/1552724665411551239

O secretário de Assistência Social, Claydson Moura, destacou a importância da ação para as pessoas que estão sem renda e tentando entrar no mercado de trabalho.

“É maravilhoso poder ajudar o cidadão e a cidadã que estão buscando emprego e às vezes estão sem dinheiro nenhum, mas têm que sair de casa a pé para distribuir currículo, muitas vezes sem se alimentar. Com essa parceria entre a Assistência Social e a SMTT, vamos virar essa página e dar oportunidade a essas pessoas de saírem de casa com dignidade para uma entrevista ou para entregar um currículo”.

Para ter acesso ao benefício, o interessado deverá se dirigir a partir do dia 3 de agosto até a sede do Centro de Atendimento Socioassistencial (CASA), na Avenida Amazonas, número 90, bairro do Prado, em frente à Praça da Faculdade, com os seguintes documentos: carteira de identidade original e cópia, CPF original e cópia, comprovante de residência de Maceió, Carteira de Trabalho e/ou outros meios que comprovem a situação de desemprego.

Além desses, quem já possuir o Cartão Vamu na modalidade cidadão deve levar no momento do cadastro.

Superintendente André Costa e secretário Claydson Moura assinaram hoje a portaria / Foto: Célio Júnior
Superintendente André Costa e secretário Claydson Moura assinaram hoje a portaria / Foto: Célio Júnior

A Secretaria de Assistência Social ficará responsável por enviar à SMTT os nomes e documentos daqueles que estiverem aptos a receber o benefício, e a Superintendência irá expedir o Cartão VAMU com direito a 12 passagens gratuitas por mês, ou seja, seis viagens de ida e volta, para utilização nos ônibus urbanos de Maceió durante um mês, prorrogável por mais um mês.

O superintendente da SMTT, André Costa, explicou que todos os beneficiários irão receber um cartão porque ele é o meio de acesso ao sistema de transporte de Maceió. Ele ressaltou que o Município quer atender o máximo de pessoas que se enquadrem na situação de desemprego.

“Buscamos ampliar ao máximo esse benefício, e por isso ele será dado não só para quem está recebendo o seguro desemprego, mas também a quem está desempregado há mais tempo e ainda não conseguiu emprego. A gente vai dar essa oportunidade para que a pessoa possa ter mais facilidade para voltar para o mercado de trabalho”.

Os usuários do transporte coletivo que já possuírem qualquer outro benefício em relação ao transporte público poderão optar pela aquisição do VAMU, sendo vedada a acumulação de benefícios.

Os valores referentes às passagens gratuitas serão custeados pelo Município, que fará o repasse no preço da tarifa vigente ao Consórcio Operacional do Sistema Integrado de Mobilidade de Maceió – SIMM.