26 de outubro de 2020Informação, independência e credibilidade
Maceió

JHC propõe “rompimento do ciclo corrupto na saúde”

Candidato à Prefeitura de Maceió defende moralização no acesso a medicamentos e a importância de acelerar a informatização da Saúde

Nesta terça-feira (13), o Ministério Público de Contas apresentou parecer identificando irregularidades na compra de respiradores pelo Governo de Alagoas. Durante a pandemia, JHC cobrou transparência do governador Renan Filho sobre os gastos com a saúde. Em sua gestão, o candidato a prefeito fará diferente, com uma administração eficiente e transparente.

“O que eu vou fazer pra já em Maceió é moralizar o ciclo corrupto vicioso do atendimento à saúde. Chega de vermos tanta falta de transparência e desvios com o dinheiro público. Uma gestão de verdade deve ser transparente, reconhecer a participação do Governo Federal e, principalmente, precisa ser comprometida com as pessoas que mais precisam de atendimento e acesso a medicamentos”. JHC.

JHC promete ainda ampliar o acesso às medicações. Ele pretende ainda desenvolver, em parceria com empresas de tecnologia, um sistema de logística para entrega em domicílio de medicamentos de uso habitual para pacientes com dificuldade de locomoção.

“Não podemos aceitar nossos indicadores nem a situação em que se encontram os maceioenses. Iremos expandir o acesso aos medicamentos e trabalhar para zerar as filas de consultas e exames com o modelo de ‘Corujões da Saúde’. Outra medida prevista é a ampliação do horário de atendimento de unidades de saúde específicas para atender pacientes que trabalhem durante o dia”. JHC.

Para dar mais celeridade aos procedimentos de saúde, JHC também vai acelerar a informatização, com prontuários e cartão do SUS digitais. Uma medida que gera economia e melhora o atendimento da população.

Ele também desenvolverá estudos de viabilidade para a construção de um Centro de Imagem e Diagnóstico na parte alta da cidade. A prevenção de doenças é um dos pilares do projeto do candidato para Maceió.

“Um ponto que chama nossa atenção é o cuidado com a saúde mental, então vamos desenvolver estudos para aprimorar os CAPS e a construção de novos. Criaremos também dois programas, um de prevenção do câncer e outro de cuidado com as doenças crônicas a exemplo da diabetes e hipertensão. Nossa população cresceu muito nos últimos anos e precisamos ficar atentos a todas as demandas”. JHC.

No primeiro ano de mandato, caso seja eleito, JHC se comprometeu a elaborar e aplicar o novo Plano Municipal de Saúde, ouvindo a população e profissionais da área. O documento trata das políticas de saúde para Maceió entre 2022 e 2025, reunindo as necessidades da população na área e traçando diretrizes para atender as demandas dos maceioenses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.