18 de janeiro de 2021Informação, independência e credibilidade
Maceió

Ligações clandestinas de esgoto rompem drenagem no Benedito Bentes

Seminfra alerta sobre prática ilegal que causa prejuízos ao Município e à população

Equipes da Seminfra flagraram várias ligações clandestinas de esgoto às redes de águas pluviais

A Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra) flagrou várias ligações clandestinas de esgoto às galerias de águas pluviais. Desta vez, a situação foi encontrada no Beco da Gaia, localizada no Benedito Bentes, parte alta de Maceió, na quarta-feira (06). A Seminfra alerta para a prática, que é constante, e prejudica tanto a população, quanto ao município, que precisa realizar frequentemente os consertos.

No Benedito Bentes, as ligações clandestinas romperam o equipamento de drenagem, causaram vazamento de água e acarretaram na abertura de buracos entre as residências. A equipe da Seminfra já foi ao local para fazer o conserto.

De acordo com o coordenador-geral de drenagem da Seminfra, Esdras Maia, os próprios moradores fazem a ligação clandestina.

“Precisamos que a população se conscientize sobre essa prática, porque ela é prejudicada por isso. Ligação clandestina é um problema que ocasiona em desperdício de água, com vazamentos, problema na distribuição da água para as residências, poluição, por misturar a água de galerias pluviais com esgoto, e até afundamentos no asfalto”. Esdras Maia, coordenador-geral de drenagem da Seminfra.

Rede de drenagem estava misturada à rede coletora de esgoto

Esdras Maias ressalta que a rede de esgoto não pode ser misturada à rede de drenagem, pois ambas exercem funções diferentes e seguem destinos distintos.

A primeira é responsável pelo despejo de dejetos e água não potável de residências e estabelecimentos comerciais e destina esses materiais para as estações de tratamento. A segunda faz a drenagem da água da chuva, que é levada para os rios, ou para o mar.

“Quando ocorre a mistura dos dois com a ligação clandestina, esse esgoto acaba sendo levado para os rios ou para o mar junto com a água que está sendo drenada; Outra situação é que a ligação clandestina obstrui o equipamento de drenagem e, em períodos de chuva, a rua pode alagar”. Esdras Maia.