9 de dezembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Maceió

Maceió lança campanha contra o abuso sexual de crianças e adolescentes

Atividades serão desenvolvidas pela Semas nesta terça-feira em vários pontos da ciidade

Campanha da Secretaria Municipal de Assistência Social de Maceió, contra o abuso sexual de crianças e adolescentes.

‘Não Finja Que Não Ver – O Que Parece Imaginação Pode Ser Realidade’. Esse é o tema da campanha da Prefeitura de Maceió, que marca nesta terça-feira, 18, a passagem do Dia de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

A campanha será desenvolvida em regiões com maiores incidências de casos de abuso e exploração sexual infantil, na capital.

Só em 2020, segundo dados  da Rede de Atenção às Vítimas de Violência Sexual – (RAVVS) da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau),  339 casos de Abuso Sexual e Exploração Sexual Infantil  foram registrados em Maceió.

As ações programadas para esta terça-feira acontecerão na sede da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) no bairro do Poço; na Rua Cabo Reis (próximo à Escola Municipal Rui Palmeira), no bairro do Vergel; e no Jacintinho (em frente ao Unicompra), a partir das 8h, e contará com a participação de conselheiros tutelares, técnicos dos Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e de outros programas.

As atividades visam exatamente sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes.

Está programado também para a quarta-feira, 19, novas atividades de conscientização na parte alta da cidade, em frente ao Caic Benedito Bentes e em frente à Universidade Federal de Alagoas (Ufal),  a partir das 8h.

O YouTube da Prefeitura de Maceió transmitirá uma live, nesta terça-feira (18), às 19h, com o tema: Dia de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

A live terá a participação do secretário Municipal de Assistência Social, Carlos Jorge da Silva, da coordenadora do Gabinete de Políticas Públicas para a Mulher, Ana Paula Mendes, da Psicóloga, Kliciany Martins e da Conselheira Tutelar da região II e advogada, Maria Eunice.