25 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Expresso

Maceió leva vacina contra HPV neste domingo à Rua Aberta da Ponta Verde

Vacinação faz parte das ações da campanha Março Lilás, de prevenção ao câncer de colo de útero

Maceió leva vacina contra HPV neste domingo (13) à Rua Aberta da Ponta Verde
Campanha Março Lilás
Neste domingo (13), a Secretaria de Saúde de Maceió levará vacinação contra o HPV para meninas de 9 a 14 anos e para meninos de 11 a 14 anos à Rua Aberta da Ponta Verde. A vacinação integra a programação do Março Lilás, que durante este mês, intensifica as ações preventivas do câncer de colo de útero. A campanha foi aberta na última segunda-feira (7) na Secretaria de Saúde de Maceió, e prevê a realização de atividades integradas com participação de secretarias e órgãos municipais para a promoção da saúde da mulher. A vacinação ocorrerá ao lado do ponto de vacinação contra a Covid-19, instalado no Centro de Atendimento ao Turista (CAT Praia), em frente ao espaço Maceió é Massa.

Abertura da Campanha Março Lilás na SMS. Foto: Victor Vercant/Ascom SMS
Abertura da Campanha Março Lilás na SMS. Foto: Victor Vercant/Ascom SMS

A vacina contra o HPV é o principal meio de prevenção do câncer de colo de útero, uma vez que o vírus é responsável por mais de 70% dos casos da doença, o terceiro em incidência entre mulheres. Com apenas duas doses aplicadas no intervalo de seis meses, elimina-se o principal fator de risco da doença.

A vacina faz parte do calendário de imunização e também está disponível, durante todo o ano, nas unidades de saúde.

Outros públicos

Além de meninos e meninas, a vacina contra o HPV também deve ser administrada a mulheres de até 45 anos e homens de até 26 anos de idade vivendo com HIV/Aids, transplantados de órgãos sólidos (coração, pulmão, rim, pâncreas e fígado) e de medula óssea, além de pacientes oncológicos, mediante prescrição médica comprovando a condição clínica.

Para estes públicos devem ser administradas três doses, com intervalo de dois meses entre a primeira e segunda doses e de seis meses entre a primeira e a terceira dose.

Adolescentes de 15 anos com esquema vacinal em atraso deverão ser vacinados com a segunda dose.

A vacina contra o HPV é contraindicada durante a gestação.

Para tomar a vacina, crianças e adolescentes devem apresentar o cartão de vacinação e o documento de identificação e estar acompanhados dos pais ou responsáveis.

O vírus

O HPV (sigla em inglês para Papiloma Vírus Humano) é um vírus que infecta a pele ou mucosas (oral, genital ou anal) das pessoas, provocando verrugas e câncer, a depender do tipo de vírus. A infecção pelo HPV é uma Infecção Sexualmente Transmissível (IST).

Campanha do Março Lilás na SMS. Foto: Victor Vercant/Ascom SMS
Campanha do Março Lilás na SMS. Foto: Victor Vercant/Ascom SMS

Busca ativa

Durante o Março Lilás haverá busca ativa de mulheres da faixa etária de 25 a 64 anos para realização de exames de rastreamento para o diagnóstico precoce do câncer de colo de útero.

A programação inclui atividades de sensibilização de usuários dos serviços municipais de saúde, qualificação de servidores e profissionais de saúde, feiras de serviços e assistência.

Além da vacinação contra o HPV, as mulheres devem fazer o exame preventivo (Papanicolau ou Citopatológico), que pode detectar as lesões precursoras. Quando essas alterações, que antecedem o câncer, são identificadas e tratadas, é possível prevenir a doença em 100% dos casos detectados precocemente.

O exame deve ser feito preferencialmente pelas mulheres entre 25 e 64 anos, que têm ou já tiveram atividade sexual. Os dois primeiros exames devem ser feitos com intervalo de um ano e, se os resultados forem normais, o exame deve ser feito, daí por diante, a cada três anos.

Março Lilás

Com o slogan ‘Bem Me Cuido, Bem Me Quero’, a campanha aborda a prevenção e os cuidados que as mulheres devem ter para prevenir e combater o câncer de colo uterino. O Slogan traz consigo o pronome na primeira pessoa – bem ME cuido, bem ME quero, para evidenciar o chamado para o amor-próprio e o cuidado consigo mesma, com a própria saúde.

As cores e elementos exaltam a feminilidade, buscando suavidade e leveza para um assunto que diz respeito ao autocuidado, à prevenção e à saúde da mulher.