25 de junho de 2022Informação, independência e credibilidade
Brasil

Maia e Moro se encontram: Sai a Previdência, entra o Anticrime

Os dois combinaram que a proposta passará a tramitar ao mesmo tempo no Senado, presidido por Davi Alcolumbre, do mesmo partido de Maia

Nesta quinta-feira (28), o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), se reuniu com o ministro Sergio Moro, da Justiça, para um café da manhã, em encontro mediado pela deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP).

“Os dois inauguraram um clima de paz”. Joice Hasselmann (PSL-SP).

A reunião acontece depois de, publicamente, Maia enquadrar Moro, chamando-o de “funcionário de Bolsonaro”, pois não cabia ao ministro pressioná-lo para a aprovação de seu projeto de combate ao crime. Este, aliás, que foi acusado de ser um simples “copia e cola” de projetos passados.

À época, o projeto de Reforma da Previdência, do ministro da Economia, Paulo Guedes, era prioridade na casa. Mas com a crise institucional entre Maia e Bolsonaro, mais a pauta bomba aprovada nesta semana, Moro ganhou sua vez na fila.

Após o encontro, os dois combinaram que a proposta passará a tramitar ao mesmo tempo no Senado, presidido por Davi Alcolumbre, do mesmo partido de Maia.

“Ao mesmo tempo, um senador apresentará o projeto no Senado. Os dois vão tramitar paralelamente. Assim, quando a votação na Câmara se encerrar, a discussão no Senado já estará adiantada e a aprovação será rápida lá também”. Joice Hasselmann.

Resta saber se vão conseguir reunir Bolsonaro e Maia no mesmo recinto, após as acusações desta semana.