11 de agosto de 2022Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Mais de 10 detentos fogem de Presídio do Agreste, em Girau do Ponciano

Eles respondem por crimes diversos, como homicídio, roubo, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo

Ao menos 12 detentos fugiram do Presídio do Agreste, na noite deste domingo (31), do Presídio do Agreste, localizado no município de Girau do Ponciano.

O presidente do Sindicato dos Policiais Penais do Estado de Alagoas, Vitor Leite, denuncia que presídio é administrado por uma empresa privada, que cumpre a mesma função que deveria ser exercida pelos policiais penais.

“O Estado está pagando R$ 300 milhões para uma empresa usurpar a função do policial penal e deixar presos fugirem”, disse ele, após a fuga dos detentos que respondem por crimes diversos, como homicídio, roubo, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.

Em nota, a Seris disse que as forças de segurança estão mobilizadas para capturar os fugitivos e que uma aeronave da Polícia Militar está mobilizada para empreender as buscas com a abrangência que permite o uso do espaço aéreo.