17 de setembro de 2021Informação, independência e credibilidade

Alagoas

Transsexuais buscam direito a reconhecimento de gênero e nome social

Transsexuais buscam direito a reconhecimento de gênero e nome social

Alagoas
A Defensoria Pública do Estado está atuando na justiça para garantir o direito a dois assistidos, um homem e uma mulher trans, para garantir-lhes o direito ao reconhecimento do gênero e nome social em seus documentos pessoais. Nas ações, ingressadas nesta semana, o defensor público André Chalub Lima, ressaltou as dificuldades que passam os assistidos por não terem o nome social no registro civil e demais documentos, sendo rotineiramente tratados de maneira divergente a designação que adotaram, além da exposição constante a ataques homofóbicos. “Os assistidos são obrigados a conviver com a dura realidade de um nome que não corresponde à realidade vivida, experimentando diariamente o dissabor imensurável de constrangimentos rotineiros, passando por transtornos morais e psicológicos, n
Municípios têm até dia 15 para prestar contas de recursos dos CRAS

Municípios têm até dia 15 para prestar contas de recursos dos CRAS

Alagoas
Recado da Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seads), aos 40 municípios que recebem cofinanciamento estadual para os Centros de Referência e Centros Especializados de Assistência Social (Cras e Creas): O prazo para enviar a prestação de contas dos recursos recebidos em 2016 e o Plano de Serviços referente ao ano de 2017 termina no próximo dia 15 . O prazo inicial era 21 de julho, segundo informou a secretaria, mas foi estendido atendendo a solicitação de novos gestores e equipes técnicas que assumiram este ano as prefeituras. Segundo o secretário de Estado da Seads, o envio dessa documentação dentro do prazo é pre-requisito para o município continuar recebendo o recurso e não há possibilidade de nova prorrogação. Caso isso não envie, o repasse de verba deve
Servidores do TCE param atividades por salários e contra ‘os desmandos’

Servidores do TCE param atividades por salários e contra ‘os desmandos’

Alagoas
Depois dos trabalhadores rodoviários, agora são os servidores do Tribunal de Contas do Estado que entram em greve por melhores salários. A greve teve início nesta quinta-feira, 21, e, além da revindicação salarial, os servidores manifestam insatisfação com o que chamaram de irregularidades da Corte de Contas. Há três anos o pessoal do Tribunal não sabe o que é reajuste salarial e desta feita estão solicitando um índice de reajuste na ordem de 21%, que representa o acumulado do IPCA nos três anos. Na porta do Tribunal o sindicato dos servidores realizou um café da manhã para os grevistas e promoveu um apitaço contra "os desmandos da corte, os quais serão levados ao Ministério Público", revelou um dirigente sindical.
Arapiraca não pode condenar suas crianças à ignorância, diz Luciano

Arapiraca não pode condenar suas crianças à ignorância, diz Luciano

Alagoas
A crise da gestão municipal de Arapiraca ganha mais um capítulo, desta vez meramente político, a partir da manifestação do vice-governador do Estado, Luciano Barbosa (PMDB), arapiraquense e ex-prefeito do município. Segundo ele, a cidade precisa se preocupar com o futuro dos cidadãos e que "nossas crianças não sejam condenadas à ignorância e ao obscurantismo pela falta de educação”, numa alusão direta à falta de diálogo entre o prefeito Rogério Teófilo (PSDB) e os trabalhadores na educação que estão completando três meses em greve, devido ao reajuste salarial de índice zero estabelecido pela administração tucana. A manifestação se deu por meio ds redes sociais, quando Barbosa utilizou o Facebook por onde e manda um recado duro aos adversários. Barbosa disse que torce sincerame
Coopeagre realiza ação social na comunidade São Francisco

Coopeagre realiza ação social na comunidade São Francisco

Alagoas, Cotidiano
Vinculada a Organização das Cooperativas do Brasil (OCB-Sescoop/Alagoas), a Cooperativa dos Produtores e Agricultores do Agreste - Coopeagre - tem se notabilizado pelo trabalho de ação social que desenvolve na região, notadamente, com as famílias dos cooperados. Neste sábado, 29, a Coopeagre estará atuando com serviços de saúde e ações sociais na Vila São Francisco, na região de Arapiraca. A ação, segundo o presidente da Cooperativa, Charles Rolim Nunes, envolve ainda atendimentos que envolvem os direitos da cidadania. "Estaremos no local com uma equipe para tirar documentos como Carteira de Identidade, CPF, entre outros, como também gente para prestar serviços como corte de cabelo, além de realizarmos palestras para os cooperados e os familiares", disse Charles Rolim. Segundo
Vereador denuncia na Câmara abuso de autoridade de Secretária de Saúde

Vereador denuncia na Câmara abuso de autoridade de Secretária de Saúde

Alagoas
Com administração municipal esfacelada, a Prefeitura de Arapiraca vai sofrendo as consequências da ineficiência dentro da Câmara Municipal. A área da saúde é uma das mais atacadas pelos vereadores, considerando que a pasta não tem dado as respostas prometidas à população durante a campanha. O vereador Sérgio do Sindicato (PPS), por exemplo, disse que a situação anda tão complicada que a Secretária de Saúde, Amélia Fernandes, chegou a proibir qualquer vereador do município a fazer visitas aos postos de saúde para fiscalizar o trabalho da municipalidade, que é o papel inerente de cada representante do Legislativo. Sérgio disse que tem gravações que provam a determinação da Secretária. Ele considera fundamental que a Câmara tome uma atitude em relação ao fato, uma vez que a secretár
Grevistas da educação ameaçam ocupar prédios da Prefeitura

Grevistas da educação ameaçam ocupar prédios da Prefeitura

Alagoas
Liderados pelo Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Alagoas (Sinteal), os trabalhadores da educação em Arapiraca decidiram acampar em frente ao prédio da Prefeitura, nesta segunda-feira, 24, para exigir a negociação salarial com os gestores municipais. Em greve há mais de dois meses, os servidores afirmam que só sairão do acampamento depois que o prefeito Rogério Teófilo (PSDB) definir a negociação salarial da categoria. O presidente do Sinteal em Arapiraca, André Luís, declarou que o ato desta segunda-feira tinha com proposta inicial colocar cadeado nos portões, mas a chuva atrasou a chegada de muitos servidores, osm manifestantes então decidiram colocar em prática um plano B. A ideia é ocupar por tempo indeterminado os prédios das secretarias de Educação e da Fazenda.
Vereador quer mobilização da sociedade para salvar Arapiraca

Vereador quer mobilização da sociedade para salvar Arapiraca

Alagoas, Interior
Os servidores da educação municipal de Arapiraca decidiram acampar na porta da Prefeitura da cidade em protesto contra o descaso da gestão do prefeito Rogério Teófilo (PSDB), diante da luta por melhores e salários e condições de trabalho da categoria. Ao tempo em que os servidores se manifestam contra a administração tucana, a Câmara Municipal tenta aparar as arestas e até fez propostas para assegurar o reajuste do pessoal, sem, no entanto, lograr êxito. A situação em Arapiraca está insustentável, segundo disse o vereador Sérgio Fábio (PPS). O prefeito, disse ele, tem se mostrado insensível ao drama dos servidores. Para Sérgio Fábio, está na hora dos homens públicos e autoridades comprometidos com os interesses do povo arapiraquense tomarem atitudes que possam mudar o perfil d
Alagoas reduz estatística da violência segundo números do Atlas 2017

Alagoas reduz estatística da violência segundo números do Atlas 2017

Alagoas
O Estado de Alagoas está entre os 10 mais de que diminuíram a taxa de homicídios no Brasil, segundo o Atlas da Violência 2017, divulgado pelo Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (IPEA), com um levantamento realizado entra 2005 a 2015. O estudo diz que a taxa de homicídio de jovens no Brasil teve um crescimento de 17,2% , número maior que o crescimento médio no país no mesmo período, de 10,6%. Para o IPEA isso ocorre devido ao descompromisso por parte de autoridades nos níveis federal, estadual e municipal com a complexa agenda da segurança pública”. Em Alagoas - No caso de Alagoas, segundo o Atlas, o percentual caiu 16,6% neste período, no entanto é ainda a unidade da Federação onde mais se mata mais se matou negros e jovens com idade entre 15 e 29 anos em 2015, sendo Mac
Estado espera para esta semana R$ 12 milhões para socorrer desabrigados

Estado espera para esta semana R$ 12 milhões para socorrer desabrigados

Alagoas
A Defesa Civil  Estadual reavaliou os números de famílias desabrigadas em Alagoas por causa das chuvas e divulgou boletim revelando que são mais de 24 mil pessoas  vítimas das inundações em 27 municípios. Só em Maceió, as autoridades confirmam mais de 5 mil pessoas desabrigadas. Até segunda-feira, 29, os números oficiais tratavam de 3 mil famílias desabrigadas. A metodologia foi mudada até para sensibilizar o governo federal, que prometeu ajuda para atender os desabrigados. Por isso, os números falam na quantidade de pessoas retiradas de suas casas. Para melhorar o atendimento aos desabrigados, o governo do Estado conta para até o fim desta semana um socorro de R$ 12 milhões do governo federal, como primeira iniciativa do apoio prometido.