17 de julho de 2024Informação, independência e credibilidade
Justiça

Operação Na Base do Sossego apreende 11 aparelhos sonoros no fim de semana em Maceió

Infratores deverão participar de uma audiência no Juizado Criminal Especial da Capital

Operação Na Base do Sossego apreendeu equipamentos sonoros em diversos bairros da capital. Foto: Polícia Militar de Alagoas (PMAL)

Onze equipamentos sonoros foram apreendidos durante operação integrada promovida pela Secretaria da Segurança Pública (SSP) e o Comando de Policiamento da Região Metropolitana (CPRM). A operação Na Base do Sossego foi realizada entre a sexta-feira (6) e domingo (9) em diversos bairros de Maceió.

Segundo o chefe de Articulação de Polícia Comunitária da SSP, tenente PM Alex Acioli, a operação neste fim de semana contou com a participação do Centro de Apoio Operacional do Ministério Público do Estado (CAOP), Bases Comunitárias de Segurança e equipes da FT do Sossego, ambas pertencentes à Polícia Militar.

Na sexta-feira, nove aparelhos sonoros foram apreendidos em bares localizados nos bairros da Jatiúca, Jaraguá e Poço. Os estabelecimentos comerciais que foram alvos da fiscalização já possuíam um vasto histórico de denúncias feitas pela população ao 190, da Polícia Militar.

Seguindo as diretrizes do Programa Na Base do Sossego da SSP, estes estabelecimentos já haviam sido visitados por equipes da Polícia Militar e orientados quanto à prática de perturbação do sossego e estavam cientes que poderiam ter o equipamento sonoro apreendido caso fossem alvo de novas denúncias e visitas das forças policiais.

Já no domingo, as Bases Comunitárias do Santa Maria e do 1º Batalhão apreenderam um som estilo paredão no bairro Cidade Universitária e outro equipamento sonoro no bairro do Vergel do Lago.

Ainda segundo o tenente Alex Acioli, os equipamentos sonoros serão agora encaminhados para o Fórum Desembargador Jairon Maia Fernandes, no bairro do Barro Duro. Já os infratores deverão participar de uma audiência no Juizado Criminal Especial da Capital, onde caberá ao juiz avaliar se eles poderão ter o equipamento de volta ou não.

“Realizamos mais uma exitosa operação contra a perturbação do sossego e tivemos um expressivo número de equipamentos sonoros apreendidos. É importante destacar a quantidade de aparelhos apreendidos em bares e casas de eventos da parte baixa e que vinham sendo alvo de recorrentes denúncias de som alto. Agradecemos ao Ministério Público pela parceria e seguiremos realizando ações como esta para garantir a tranquilidade da população alagoana”, afirmou.