25 de junho de 2022Informação, independência e credibilidade
Blog

Prefeito de Palmeira diz a deputada: “Suas balas podem me silenciar, mas estarei de pé”

Briga entre o prefeito Júlio César e a deputada estadual Ângela Garrote agitam Palmeira dos Índios na campanha eleitoral

Júlio Cézar e ângela Garrote: ameaças na campanha eleitoral

Palmeira dos Indios volta a cena da política do submundo e do desrespeito com a briga entre a deputada estadual Ângela Garrote (PP) e o prefeito Júlio Cézar (MDB).

Em vídeo no Instagram, o prefeito diz textualmente: “As suas balas, deputada, podem até me silenciar um dia, podem até me silenciar um dia, mas eu estarei de pé, pode ter certeza”.

O prefeito foi mais além e disse para a deputada: “Na Estrela impera o silêncio, mas em Palmeira não. Respeite o povo de Palmeira”.

Ângela Garrote, segundo o próprio prefeito, acusou-o de ter ficado com R$ 2 milhões do hospital de Palmeira. Ele rebateu dizendo que o seu governo governo nunca trocou a merenda das crianças por uísque “e a senhora foi processada por isso”.

Júlio Cézar lembrou que a deputada foi acusada na operação “Laranja Podre”. No vídeo, ele destaca que a sua administração nunca se envolveu com a corrupção.

O prefeito Júlio Cézar disse ainda que a deputada teve oportunidades de fazer muito por Palmeira, mas nada fez.

De acordo com o prefeito, as ameaças feitas por Ângela Garrote contra ele são consequência da candidatura a deputada estadual da “Dra. Carla”, que é a primeira dama da cidade. Disse que na eleição passada Garrote teve 10 mil votos em Palmeira com o seu apoio e que agora o está ameaçando, mas garante que não tem medo.

Palmeira dos Indios, pelo visto, em ponto de bala eleitoral.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.