11 de agosto de 2022Informação, independência e credibilidade
Maceió

Prefeitura de Maceió presta assistência aos pets da população desabrigada pelas chuvas

Equipe de médicas veterinárias do GGI-CA prestaram assistência aos animais e em parceria com a UVZ distribuíram ração nos locais

Prefeitura segue com prestação de assistência aos pets da população desabrigada pelas chuvas
Equipes do Gabinete da Causa Animal e UVZ trabalham de forma integrada cuidado dos animais do Município. Foto: GGI-CA
O Gabinete Gestão Integrada de Políticas Públicas para Causa Animal (GGI-CA) visitou nesta terça-feira (5) as escolas municipais Rui Palmeira e Nosso Lar, localizadas no bairro do Vergel, os equipamentos públicos estão funcionando como abrigo temporário para a população que ficou desabrigada em virtude das fortes chuvas e elevação do nível da Lagoa Mundaú.

Na ocasião, a equipe de médicas veterinárias  passou orientações sobre Leptospirose para a população e os animais que tiveram contato com as águas da enchente receberam medicação profilática. Além disso, a coordenação do Gabinete também realizou doações de ração em parceria com a Unidade De Vigilância de Zoonozes (UVZ) para cães e gatos que estavam nas escolas.

A zootecnista e coordenadora, Fernanda Rodrigues, do Gabinete da Causa Animal falou sobre os trabalhos que estão sendo desenvolvidos.

“Nesse momento tão delicado pelo qual muitas famílias estão passando é importante estarmos próximos e atentos a todas as demandas. Os animais fazem parte do contexto familiar e o bem-estar e a saúde precisam ser resguardados. Nossas ações visam minimizar as dificuldades encontradas, como a ausência de alimento para os animais e possíveis consequências devido ao contato com as chuvas através da aplicação da medicação profilática feita pelas veterinárias do GGI-CA”.

Animais que estão nos abrigos temporários tem assistência veterinária e alimentação garantida. Foto: GGI-CA

A moradora do Vergel, Jael Gomes, teve sua moradia destruída pelas chuvas, e relatou para equipe que seu cão Scooby teve contato com a água das enchentes, diante do relato as veterinárias do GGI-CA aplicaram medicação profilática para proteger contra Leptospirose. “Foi Deus que mandou vocês da prefeitura, sou muito apegada nesse cachorro, deixei tudo para trás, mas não soltei ele”, contou Jael.

O trabalho que o Gabinete da Causa Animal vem realizando desde ontem (4), já assegurou o resgate de 30 animais, que estão abrigados temporariamente na UVZ, foram também distribuídos mais de 300 quilos de ração para cães e gatos, e também realizados 64 atendimentos pelas veterinárias. Os trabalhos continuarão sendo desenvolvidos para dar suporte à população.