21 de junho de 2021Informação, independência e credibilidade
Maceió

Prefeitura de Maceió retira 2.800 toneladas de resíduos do Riacho Salgadinho

Além do serviço de desassoreamento, as equipes estão realizando a capinação manual e remoção de resíduos da via pública

Como medida preventiva à quadra chuvosa, a Prefeitura de Maceió segue trabalhando no desassoreamento do Riacho Salgadinho.

Desde o início de abril, quando começou o serviço, as equipes da Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes) já retiraram cerca de 2.800 toneladas de detritos do córrego, facilitando o escoamento das águas pluviais e evitando transbordamentos.

Fazendo a utilização de máquinas como retroescavadeiras e caminhões, a equipe responsável pela execução do serviço trabalha na remoção de areia, sedimentos e outros detritos acumulados no fundo do Riacho. Todos os dias, cerca de cinco de caçambas, cada uma com 15 toneladas, saem carregadas rumo ao aterro sanitário da cidade. A previsão é que o trabalho continue por mais um mês.

Robert Wagner, assessor especial da Sudes, diz que o trabalho preventivo ajuda na resolução de possíveis problemas de forma mais ágil.

“Por se tratar de um local importante para o escoamento de águas pluviais, estamos dando uma atenção maior. Queremos evitar que a passagem da água seja obstruída em decorrência do descarte de resíduos inadequados pela população. Dessa forma, evitamos alagamentos, sobretudo no período chuvoso”. Robert Wagner.

Além do serviço de desassoreamento, as equipes estão realizando a capinação manual e remoção de resíduos da via pública.

“A população tem um papel fundamental para garantir a eficácia de ações como essas. Descartar resíduos em local apropriado é parte das medidas preventivas de alagamentos e da poluição do Riacho. Precisamos do trabalho de todos para garantir uma cidade limpa”. Robert Wagner.