29 de julho de 2021Informação, independência e credibilidade
Política

Renan Calheiros pede ao STF compartilhamento de provas de fake news com a CPI

Alexandre de Moraes já determinou a abertura de novas investigações e a PF cita Bolsonaro e filhos em relatório sobre difusão de notícias falsas

A CPI da Covid vai pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) o compartilhamento de provas já coletadas no inquérito das fake news. A comissão quer cruzar as informações com a atuação de sites bolsonaristas que espalharam dados científicos falsos sobre a Covid-19.

O requerimento deve ser apresentado pelo relator da CPI, o senador Renan Calheiros (MDB-AL), na volta do recesso parlamentar.

Leia mais: Moraes une inquéritos das fake news e atos antidemocráticos, que podem cassar Bolsonaro

O ministro Alexandre de Moraes determinou a abertura de novas investigações sobre fake news com foco em uma suposta organização criminosa que atua na internet para atacar o Estado democrático de Direito. Relatório da Polícia Federal cita o presidente Jair Bolsonaro e os filhos dele, Flávio e Carlos, como envolvidos da difusão de notícias falsas.