6 de março de 2021Informação, independência e credibilidade
Blog

Renan Calheiros volta à luta no centro do poder e quer comandar a CCJ

Senador já foi escolhido o líder da maioria no Senado Federal

Senador Renan Calheiros de às lutas no centro do poder

O senador Renan Calheiros (MDB) volta ao cenário político como alta liderança no Congresso, logo depois de Arthur Lira (PP) ter sido eleito presidente da Câmara dos Deputados.

Calheiros, que havia se auto clausurado na planície do poder, agora volta a emergir e vai disputar o comando da Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

Ele chega à disputa depois de ter sido escolhido como o líder da maioria na casa, hoje presidida pelo senador do DEM, Rodrigo Pacheco, um aliado de Jair Bolsonaro.

O detalhe é que o senador alagoano vai reeditar o embate com Davi Alcolumbre (DEM-RR), também candidato a comandar a CCJ, por onde passam as principais decisões do Congresso, para o bem ou para o mal do País.

E por meio do Twitter, o senador mandou um recado – considerado sutil, para uns, e enigmático, para outros – para o adversário Alcolumbre, com o seguinte texto:

@renancalheiros
-A estrela de@davialcolumbre reluziu nos 2 anos no Senado. Para o brilho não se tornar opaco é prudente que abdique da síndrome de Golias, do gigantismo dos filisteus. A CCJ será o estilingue nos olhos do presidente @rpsenador, uma confrontação e divisão de poder ilógicas.
Pronto. Agora é aguardar os desdobramentos.