23 de outubro de 2020Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Ricardo Barbosa chama de fascista ato de juiz que cassou título de Lula

Barbosa disse que decisão de juiz é um acinte a autonomia universitária

Ricardo: partido vai tomar providências para reverter agressão

A decisão do juiz Carlos Bruno de Oliveira Ramos, da 4ª Vara Cível de Arapiraca, que anulou o titulo de  doutor honoris causa que a Universidade Estadual de Alagoas (Uneal) concendeu ao ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, foi considerada uma atitude fascista pelo candidato a prefeito de Maceió pelo PT, Ricardo Barbosa.

O juiz disse em seu despacho “não é razoável, nem atende à moralidade administrativa conceder honraria a alguém condenado judicialmente e que ainda responde a outras ações penais”.

Em seu twitter, Barbosa disse que a decisão é absurda e consiste em um ataque à democracia e “um acinte à autonomia universitária”.

Ricardo Barbosa, que também é presidente do Partido dos Trabalhadores, disse que o PT de Alagoas vai tomar providências cabíveis “para reverter a agressão”.

O título de doutor honoris causa foi concedido ao ex-presidente de Lula pela reitoria da Uneal em 2017.

2 Comments

  • Folgo em saber que o MD MM JUIZ demonstra altivez, sensatez, lucidez, coerência e, sobretudo, justiça, na abalizada decisão louvável e digna de encômios, pela adoção equânime e equitativa com equidade e imperativa legalidade, probidade, mormente do devido processo legal, que há de nortear e prevalecer sempre, em casos que tais!
    Parabéns ao MAGISTRADO!

    Abr
    *JG

  • Avatar Augusto Galvão

    O juiz materializou judicialmente o que o Brasil inteiro entende sobre o maior corrupto do planeta! O esperneio é execrável sob todas as formas, vez que pretende manter a alta honraria nas mãos de quem só deveria receber o título de doutor honoris causa da bandidagem!
    Certa e louvável a decisão do magistrado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.