25 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Policia

SSP: Operação Dragagem desarticula organização criminosa em Rio Largo

Organização também é responsável por executar desafetos em uma região da mata fechada que fica ao redor do conjunto habitacional

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) coordenou, nesta terça-feira (12), uma operação integrada entre as Polícias Civil e Militar com o objetivo de prender integrantes de uma organização criminosa especializada no tráfico de drogas na região Metropolitana.

A operação foi denominada de Dragagem e cumpre sete mandados de prisão e sete de busca e apreensão nas cidades de Maceió e Rio Largo.

A operação é fruto de um trabalho investigativo realizado pela Divisão Especial de Investigações e Capturas (DEIC), da Polícia Civil, que foi realizada de forma integrada com o 8° Batalhão da Polícia Militar.

As investigações realizadas constataram que uma organização criminosa traficava drogas, no município de Rio Largo, principalmente no conjunto Jarbas Oiticica. Essa organização também é responsável por executar desafetos em uma região da mata fechada que fica ao redor do conjunto habitacional.

Com base em provas técnicas, a DEIC realizou a representação dos mandados, que foram expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital.

A Operação Dragagem ganhou este nome pois faz alusão a uma técnica utilizada para fazer limpeza ou remoção de materiais do fundo de rios. Desta forma, a operação tem o intuito de fazer uma verdadeira limpeza na cidade de Rio Largo.

Até o momento, duas pessoas foram presas. Uma prisão ocorreu em Maceió e outra em Rio Largo.

Efetivo participante

Para o cumprimento dos mandados, foram empregados militares do 8° Batalhão de Polícia Militar e o Batalhão de ROTAM. A Polícia Civil empregou agentes do TIGRE e da seção de Capturas da DEIC.

A população é grande parceira das forças de segurança no combate ao crime em Alagoas e pode contribuir com o trabalho das polícias realizando denúncias sobre homicídios, tráfico de drogas, roubos, organizações criminosas e outros crimes por meio do Disque Denúncia. As informações podem ser repassadas, de forma anônima e gratuita, por meio de ligações para o 181.