25 de junho de 2022Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Uncisal é destaque no Ranking de Universidades Empreendedoras

Uncisal conquistou a 51ª posição no último levantamento, realizado em 2021, com mais de 4.000 estudantes de todo o país

Uncisal conquistou a 51ª posição em levantamento realizado em 2021

A Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) é destaque no Ranking de Universidades Empreendedoras e conquistou a 51ª posição no último levantamento, realizado em 2021, com mais de 4.000 estudantes de todo o país.

A pesquisa é realizada pela Confederação Brasileira de Empresas Juniores (Brasil Júnior) e avalia as características que mais contribuem para uma Instituição de Ensino Superior (IES) ser mais empreendedora. No último levantamento, em 2019, a Uncisal aparecia na 68ª posição.

Dentre as Instituições de Ensino Superior de Alagoas que participaram da pesquisa, a Uncisal lidera o ranking, seguido pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal), que aparece em 59ª posição, e pela Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), em 115ª colocação.

Para a pró-reitora de Pesquisa e Pós-Graduação, profª Dra. Mara Ribeiro, o resultado evidencia o investimento que a Uncisal tem feito nas áreas da ciência, tecnologia e inovação e, para os próximos anos, a universidade planeja ampliar ainda mais as ações voltadas para o empreendedorismo, fortalecendo a instituição e sua articulação com a sociedade.

“A tendência é que a gente venha crescer ainda mais nesse ranking com as próximas ações”.

De acordo com a profª Dra. Edileuza Leão, coordenadora do Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT), setor vinculado à Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propep/Uncisal), mesmo durante o período da pandemia, o NIT promoveu vários eventos ligados ao empreendedorismo.

“Esse Ranking prova o quanto a universidade está envolvida com o empreendedorismo. O NIT também está se movimentando para que existam empresas juniores na Uncisal e que mais alunos se envolvam com o empreendedorismo”.

O assessor técnico do NIT, Elton Henrique de Oliveira, destacou que o núcleo busca realizar ações relacionadas às dimensões de Cultura Empreendedora, Inovação e Extensão, por meio de palestras em eventos e no dia a dia dos discentes e docentes, bem como dos demais servidores da instituição e da comunidade em geral.

“Algumas dessas ações são palestras sobre Propriedade Intelectual, parcerias com o INPI para capacitação de professores, palestras no Congresso Acadêmico e Científico da Uncisal e na Jornada Científica da Instituição”.

Ele explicou, ainda, que o levantamento realizado para o Ranking de Universidades Empreendedoras é feito a partir da coleta e análise de dados provindas de três diferentes fontes.

A primeira é a pesquisa de percepção, que tem como objetivo coletar a percepção dos discentes;

a coleta por meio dos embaixadores (alunos voluntários) é a segunda fonte, que visa obter informações autodeclaradas pelas universidades diretamente na nossa plataforma; já a terceira fonte é de dados de fontes secundárias, ou seja, base de dados complementares a partir das informações já existentes.

Ainda no levantamento, as dimensões de Cultura Empreendedora, Inovação e Extensão tendem a medir o que, substancialmente, influencia no grau de empreendedorismo de uma Instituição de Ensino Superior.

Já as dimensões de Internacionalização, Infraestrutura e Capital Financeiro são aqueles que medem os meios, proporcionando as melhores condições para o desenvolvimento do protagonismo acadêmico.

Ranking
O Ranking de Universidades Empreendedoras é uma iniciativa da Confederação Brasileira de Empresas Juniores (Brasil Júnior). A cada dois anos, é realizada a pesquisa de campo com Instituições de Ensino Superior e seu alunado.

Posteriormente, são elencados os pontos de melhoria, calculada a nota das universidades com base na  metodologia e evidenciadas as boas práticas encontradas. Com os resultados obtidos, é produzido o livro do Ranking de Universidades Empreendedoras.