22 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Maceió

Vacinação contra Covid segue neste final de semana com 7 pontos na capital

Um dos pontos é exclusivo para a vacinação de crianças de 5 a 11 anos

Crianças de 5 a 11 anos também poderão ser vacinadas

A Prefeitura de Maceió segue com a imunização da população contra a Covid-19 no final de semana, com sete pontos em funcionamento neste sábado (12) e dois pontos no domingo (13), um deles exclusivamente para a vacinação de crianças de 5 a 11 anos.

Nesse momento da Campanha de Vacinação contra a Covid-19, a Gerência de Imunização da Secretaria de Saúde de Maceió chama a atenção dos maceioenses para a vacinação pediátrica, que teve início no dia 17 de janeiro e quase dois meses depois, ainda não foram vacinadas nem 50% das crianças de 5 a 11 anos com a primeira dose. Até esta quinta-feira (10), haviam sido aplicadas 47.319 doses, equivalente a 48,5% do público infantil vacinável.

As crianças de 6 a 11 anos que tomaram a vacina Coronavac e completaram 28 dias da aplicação da primeira dose também já podem tomar a segunda dose para completar o ciclo vacinal. A aplicação da segunda dose deste imunizante teve início no último dia 4 e até ontem, apenas 1.495 de mais de 7 mil crianças aptas a completar a vacinação estavam com o calendário atrasado.

“Precisamos fazer o chamamento dos pais e responsáveis das crianças que estão com calendário atrasado para completar o ciclo vacinal da Coronavac . Nós iniciamos esse calendário no último dia 4 e ainda temos em torno de 6 mil crianças com atraso da segunda dose. É necessário que os pais atentem para as datas no cartão de vacinação das crianças, para verificar qual foi a data em que ela recebeu a primeira dose da Coronavac, para vir tomar a segunda dose. A criança só está com a vacinação completa a partir da segunda dose”, alerta a enfermeira da Gerência de Imunização, Camila Peixoto.

“Abaixo do registro da primeira dose no cartão de vacinação tem uma anotação a lápis com a data da segunda dose e os pais precisam observar essa data e levar as crianças para se vacinar. Os que estiverem com atraso devem vir o quanto antes”, orienta a enfermeira.

Veja pontos de vacinação para adultos e crianças

Sábado

Neste sábado (12), adultos, adolescentes e crianças poderão se vacinar contra a Covid-19, no horário das 9h às 16h, nos pontos fixos do Papódromo, no Vergel; da Praça Padre Cícero, no Benedito Bentes; e do Terminal do Osman Loureiro, no Clima Bom. O ponto do Maceió Shopping (Mangabeiras) funciona das 9h às 21h.

No ponto do Shopping Pátio (Cidade Universitária), a vacinação é das 15h às 21h, exclusivamente para crianças de 5 a 11 anos.

Adultos e adolescentes também podem se vacinar neste sábado no ponto da loja Carajás, das 9h às 16h, e no Centro de Atendimento ao Turista (CAT) da Ponta Verde, no horário das 10h às 21h.

Domingo

No domingo (13) haverá vacinação infantil no Shopping Pátio, no horário das 12h às 18h.

Adolescentes e adultos poderão se vacinar no CAT Praia, na Ponta Verde, das 10h às 21h.

Documentação

Para vacinar o público de 5 a 11 anos, é necessário que as crianças estejam acompanhadas dos pais ou de adulto responsável. Os pais devem apresentar o próprio documento de identificação com foto, CPF e documentação da criança, que deve ser RG ou Certidão de Nascimento e Caderneta de Vacinação, CPF ou Cartão SUS.

Caso os pais não estejam presentes é necessário o preenchimento do TERMO DE ASSENTIMENTO PARA ADMINISTRAÇÃO DA VACINA COMINARTY-PFIZER PEDIÁTRICA, além da cópia do documento de identificação do pai ou mãe, o qual ficará retido no ato da vacinação. Por fim, a Caderneta de Vacinação da criança e o CPF ou Cartão SUS.

Termo de assentimento para o público infantil de 5 a 11 anos

Caso a criança não tenha CPF ou Cartão do SUS será necessário apresentação da Certidão de Nascimento. Para as crianças com comorbidades, também será necessário apresentar a prescrição médica, que ficará retida no local da vacinação.

Salvo as crianças com comorbidades, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) não exigirá prescrição médica nem cadastro prévio para a vacinação de crianças que deverão estar obrigatoriamente acompanhadas pelos pais ou responsáveis e, na ausência destes, por adulto com declaração de autorização assinada pelos pais.