20 de outubro de 2021Informação, independência e credibilidade

Artigo

Alegra-te, Virgem Aparecida

Alegra-te, Virgem Aparecida

Artigo, Expresso
Por Monsenhor Rubião Peixoto Há mais de 300 anos, um grande sinal apareceu no Rio Paraíba do Sul. Como outrora no Apocalipse cap. 12, “um grande sinal apareceu no Céu”. no lago de Genesaré, a mando de Jesus, Pedro, Thiago e João laçaram as redes nas águas mais profundas e os peixes se multiplicaram. Na pátria Brasileira, também os pescadores João Alves, Domingos Garcia e Felipe Pedroso, por intercessão da Virgem Maria, pescaram peixes abundantes. 1717 acontece pequeno e grande sinal, no Rio Paraíba do Sul: a imagem da Senhora da Conceição Aparecida! A História narra que o Conde de Assumar, da Corte Portuguesa visitara as Minas Gerais de São Paulo. As autoridades locais queriam oferecer-lhes um banquete de peixes bem escolhidos. Se dirigiram aos três pescadores, afim de
Ricardo Noblat: Bolsonaro, criminoso confesso, deixa o brasileiro ao Deus-dará

Ricardo Noblat: Bolsonaro, criminoso confesso, deixa o brasileiro ao Deus-dará

Artigo
Se a Coronavac não tem eficiência comprovada conforme o presidente Jair Bolsonaro disse três vezes só nesta semana, e outras tantas desde o fim do ano passado, como o Ministério da Saúde do já distribuiu até agora 101 milhões de doses? Isso não configura crime – dele por desacreditar a vacina, e do Ministério da Saúde por distribuí-la? Não é o caso de repetir o que o planeta Terra sabe: Bolsonaro é um mentiroso compulsivo, mas de ele ser punido pelas mortes dos que acreditam em sua palavra. Há comprovação científica de que a vacina funciona – entre elas, a imunização com sucesso de mais de 1 bilhão de pessoas na China, o país mais populoso do mundo, e de milhões no Chile e em outros lugares. Ou então aqui mesmo no Brasil. Logo, quando Bolsonaro sabota a Coronavac, porque foi J
Por Eliana Cavalcanti: ‘Fim de uma bela história’

Por Eliana Cavalcanti: ‘Fim de uma bela história’

Artigo
Em 1972, comecei a vir de Recife para dar aulas no Colégio SS. Sacramento. No ano seguinte, casei-me, vim morar em Maceió e abri a primeira escola de balé de Alagoas. Aqui já tinham ensinado outras professoras e havia uma única ensinando na AABB, naquele momento. Eu já ensinava balé no Curso de Danças Clássicas Flavia Barros desde os meus 15 anos. Somam-se, portanto, 55 anos de ensino dessa arte magnífica. Egressa da posição de primeira bailarina do Grupo de Ballet do Recife, recebi, por duas vezes, convite (Ballet Stagium de São Paulo e Associação de Ballet do Rio de Janeiro) para ser bailarina profissional. Declinei desses convites e nunca me arrependi, pois, com o passar do tempo, compreendi que a minha vocação maior estava voltada para o ensino. O Ballet Eliana Cavalcanti comple
Escola Creche Zilda gama fecha as portas após 100 anos de atividades

Escola Creche Zilda gama fecha as portas após 100 anos de atividades

Artigo, Expresso
Por Cláudia RC Lima Dia 27 de junho a Escola Creche Zilda Gama completou 101 anos de existência, um Centenário de uma instituição filantrópica fundada em 27 de junho de 1920. Inicialmente dirigida por uma “comissão de instrução”, um departamento do Centro Espírita Alagoano Melo Maia (CEAMM) composta de 17 senhoras da nossa sociedade, sob a presidência da Sra. Teodorica Bulhões. Funcionou como Escola até meados de 1976 quando interrompeu suas atividades. Em 1979, a Sra. Terezinha Madeiro Ramos, frequentadora e colaboradora do CEAMM notando o abandono em que se encontrava a sede da Escola, resolveu lançar mãos à obra com o intuito de reabrir a instituição, conseguindo voltar as atividades já como Escola Creche, com uma sala de aula e abrigando 20 crianças. Com as doações de muitos
A velhice, segundo o Pife

A velhice, segundo o Pife

Artigo
Por Osvaldo Epifânio (Pife)*   Dia desses, assistindo à série (imperdível) Sozinhos, T1, no streaming Amazon, com Helen Mirren (The Queen), Dan Stevens (The Call of the Wild) e Morgan Freeman (Driving Miss Daisy), vi duas frases emblemáticas. Não por serem novas em suas leituras filosóficas ou históricas, mas por se apresentarem monocórdias e ferozes na voz monóloga dos atores dessa série de episódios curtinhos (longe de mim ser movie publisher da empresa americana). "A velhice é uma inimiga estranha, áspera" e "Não vi você aí." A velhice, ou aquilo que nos torna tortos em tudo diante dos dias, é um aviso imprevisível, sem o papel colado na geladeira. Há quem a alcance e quem não a veja mais tarde. Mesmo assim, ela existe... para os vivos, claro. Na ferina frase de Fer
Eita São João: Ai que saudade que eu tenho…

Eita São João: Ai que saudade que eu tenho…

Artigo, Expresso
Por Cláudia Rejane Lima* Luiz Gonzaga eternizou : “Ai que saudades que eu sinto Das noites de São João Das noites tão brasileiras nas fogueiras Sob o luar do sertão” E que saudades: Fogueiras até o raiar do dia, do milho assado à pipoca e o quentão Fogos da chuvinha ao vulcão, mesmo que alguns perdem-se até as mãos; Ai que saudades que tenho... Dos ensaios de quadrilhas a apresentações nos Palhoções; Da Rainha do Milho ao Rei do Salão; De Famílias reunidas nas ruas celebrando as festas juninas ao som dos acordes da sanfona, zabumba e triangulo com xote, um xaxado ou um baião, sem esquecer o forró dos bons; Mas chegaram os vetos e proibições: fogueira não pode (o meio ambiente agradece), fogos não (os animais podem até morrer), e para completar, a pandemia cheg
Ardil 2022: O paradoxo de ir às ruas ou seguir permitindo o desgoverno na pandemia

Ardil 2022: O paradoxo de ir às ruas ou seguir permitindo o desgoverno na pandemia

Artigo
No livro Catch-22, do escritor Joseph Heller, de 1961, uma lei militar paradoxal é imposta a um grupo de pilotos americanos durante a Segunda Guerra mundial: o medo de morrer, algo racional, poderia ser considerado um problema mental, o que implica na dispensa de missões de voo, mas ao pedir a dispensa você mostraria estar são, já que só um doido não teria medo de pilotar um avião de combate. Ou seja, quem pedisse dispensa, não estaria mais doido e teria que voar em novas missões. Você seria doido se voasse em novas missões e são se não o fizesse. Mas se estivesse são, não poderia ter dispensa e teria que voar novamente em missões de combate. Se voasse, então estaria doido e não teria que fazê-lo. Mas, se ele não quisesse fazê-lo, então estaria são e teria que fazê-lo. Para bom brasi
“É política”: Secretário Ricardo Santa Ritta acertou em alguns pontos na polêmica da Copa América

“É política”: Secretário Ricardo Santa Ritta acertou em alguns pontos na polêmica da Copa América

Artigo, Política
Cancelada na Argentina por causa da gravidade da pandemia, a Conmebol fez o pedido e Jair Bolsonaro deu sinal verdade para a realização da Copa América no Brasil. Decisão essa que veio com críticas, seja da oposição ao governo, imprensa nacional e internacional ou mesmo jogadores que vão disputar o torneio. O próprio governador Renan Filho disse que este seria um violento equívoco por parte da CBF. A afirmação do governador Renan Filho, feita na manhã desta terça, aconteceu horas depois do secretário de Turismo, Esporte e Lazer de Maceió, Ricardo Santa Ritta, vislumbrar a possibilidade de tornar Maceió uma cidade-sede. https://twitter.com/RicardinhoSR/status/1399437899913908224 A posição, claro, não poderia deixar de vir sem polêmica. Como justificar a chegada de um torneio
Líder fascista reúne milhares de apoiadores em passeio de moto

Líder fascista reúne milhares de apoiadores em passeio de moto

Artigo
O líder do Partido Fascista da Itália, Benito Mussolini, realizou em 1933 um passeio de moto com seus apoiadores, pela cidade de Roma. Na época, o evento teve grande repercussão. Fascista, Mussolini gostava de passar a imagem de um líder dinâmico, além garantir a proximidade com seus seguidores, passando a imagem de "ser como eles". Com o país passando por mudanças, ele acreditava que o passado deveria ser destruído em nome do novo. E demonstrar que sua ideologia representava o futuro. Mussolini foi o fundador do fascismo, que exaltava o ufanismo e nacionalismo. Completamente contra a agenda liberal, ele se declarava um ferrenho adversário dos comunistas e não acreditava que havia uma "luta de classes", Atrelado à censura, aproveitava da maciça propaganda do Estado e cu
Eleições da OAB Alagoas podem ser feitas de forma online

Eleições da OAB Alagoas podem ser feitas de forma online

Artigo, Expresso
Por Arthur Braga Lima*   Em fevereiro de 2020, o Instituto M133 enviou à Ordem dos Advogados do Brasil uma proposta que busca alterar o Provimento nº 146/11 do ESTATUTO DA ORDEM, a ideia é permitir que os votos para eleger representantes da entidade sejam feitos pela internet. Segundo divulgado pela OAB Nacional, as primeiras unidades federativas que terão eleições online serão Distrito Federal, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Tocantins, Pernambuco, Ceará e Rio Grande do Norte. Os detalhes sobre as eleições online nas seccionais da OAB ainda não foram divulgados. Ao que parece aqui em Alagoas, mesmo com a pandemia ainda não controlada e com a possibilidade de sua votação ser online, os setores da advocacia alagoana têm se movimentado bastante, tudo em torno