13 de maio de 2021Informação, independência e credibilidade

Artigo

Eleições da OAB Alagoas podem ser feitas de forma online

Eleições da OAB Alagoas podem ser feitas de forma online

Artigo, Expresso
Por Arthur Braga Lima*   Em fevereiro de 2020, o Instituto M133 enviou à Ordem dos Advogados do Brasil uma proposta que busca alterar o Provimento nº 146/11 do ESTATUTO DA ORDEM, a ideia é permitir que os votos para eleger representantes da entidade sejam feitos pela internet. Segundo divulgado pela OAB Nacional, as primeiras unidades federativas que terão eleições online serão Distrito Federal, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Tocantins, Pernambuco, Ceará e Rio Grande do Norte. Os detalhes sobre as eleições online nas seccionais da OAB ainda não foram divulgados. Ao que parece aqui em Alagoas, mesmo com a pandemia ainda não controlada e com a possibilidade de sua votação ser online, os setores da advocacia alagoana têm se movimentado bastante, tudo em torno
Direito ao absorvente: Uma questão de saúde pública e dignidade feminina

Direito ao absorvente: Uma questão de saúde pública e dignidade feminina

Artigo, Blog, Por Elas
Você já ouviu falar em “pobreza menstrual”? Se não ouviu, imagine a situação de uma adolescente; de uma mulher adulta, seja em qual idade for, entrar no ciclo menstrual e não ter acesso a um pacote de absorvente. O que você faria? O que você usaria para suprir esse item fundamental durante esse período de sangramento que geralmente dura de três a cinco dias contínuos, todos os meses? Usaria papel higiênico, uma folha de jornal, um pedaço de pano velho, miolo de pão? Desculpa expor, dessa maneira, a intimidade de muitas mulheres que passam por essa situação todos os meses, porque não têm dinheiro para comprar absorvente. Mas estamos falando de saúde pública, de direito à dignidade feminina. O absorvente é um item indispensável e a dificuldade de acesso leva a substituições inadequada
Em tempos de fake news, o 1° de Abril é irrelevante e a Verdade sempre relativa

Em tempos de fake news, o 1° de Abril é irrelevante e a Verdade sempre relativa

Artigo
Está cada vez mais difícil diferenciar a verdade da mentira. Essa deveria ser uma tarefa extremamente simples, mas além de ninguém aceitar um "senhor da razão" ou um grupo que, de forma "ditatória", diferencie um do outro, o fato de qualquer pessoa poder interpretar informações da maneira que quiser sempre altera o resultado final. De forma simples e direta: a realidade pode simplesmente se tornar uma questão de convicção. Se um sujeito tem uma ideia implantada em sua cabeça, nada vai fazer com que ele mude sua distorção de realidade. E em um mundo de fake news, o 1º de Abril mostra o quanto a verdade pode ser relativa. Não importa que um fato seja aparentemente concreto e absoluto, nada vai passar pelo crivo e vontade da pessoa que vai aceitar ou não o que leu, ouviu, recebeu ou
Opinião: Vidas presas importam

Opinião: Vidas presas importam

Artigo
Por Arthur Lira*   Na última sexta-feira (26), a apresentadora Xuxa Meneghel, participou de uma live, no perfil da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) que tinha como objetivo discutir os direitos dos animais e nada mais que isso. Entretanto, em uma colocação desprezível, a rainha dos baixinhos sugere que testes de remédios, cosméticos e vacinas sejam realizados em presidiários porque desta forma “eles serviriam para alguma coisa antes de morrer”, visto que muitos estão presos para sempre. Posteriormente, após a repercussão negativa das colocações, a apresentadora utilizou suas redes sociais para pedir desculpas sobre a declaração. Ocorre que, a colocação externada por Xuxa Meneghel reflete o pensamento de parcela da sociedade que não consegue compre
Na primeira entrevista, um foca em apuros na sede do Produban

Na primeira entrevista, um foca em apuros na sede do Produban

Artigo, Blog, Marcelo Firmino
Lá no fim dos anos 70, no pleno regime militar,  meu primeiro emprego foi na Rádio Difusora. Um foca do jornalismo, verde e aprendendo conhecer a vida em um regime de exceção. Cobria notícias do Pronto Socorro: Só bagaceira. Eis que descobriram que eu não era tão ruim na escrita. O jornalista conterrâneo Manoel Alves Feitosa, chefe de Reportagem, (irmão de José Feitosa-Zé da Feira) sugeriu ao diretor de Redação, Adelmo dos Santos, que me mandasse cumprir outras pautas. Assim, passou-me uma pauta de economia. -Vais entrevistar o presidente do Produban (Banco do Estado de Alagoas), Lincoln Cavalcante. Feitosa, de saudosa memória, entregou-me a pauta com um arrazoado da economia nacional, na ótica dele. Deu-me um gravador maior que um tijolo e me deixou como referência 3 pe
Para Manoel Miranda Junior: meu chato favorito!

Para Manoel Miranda Junior: meu chato favorito!

Alagoas, Artigo
A vida nos prega peças que por mais que entendamos ou sejamos conscientes de nossa missão, nos deixa pra baixo, caídos numa nostalgia sem tamanho. Hoje desencarnou meu primo Junior, sim, era assim que eu chamava o jornalista Manoel Miranda! O ‘intelectuá’, como meu avô Pedro o chamava em nossa infância, pois desde cedo o primo adorava ler, de gibis de Walt Disney a livros de autores famosos. Jogos de botões (lembro do time do Corinthians) e o sorriso escondido quando tentava nos proteger, eu e Márcio Miranda, de consequências das artes que aprontávamos com nossa querida Rita, só para rirmos, como crianças que éramos. Lembranças de quando ele aprendia a tocar violão, sozinho, trancado no quarto, com várias revistinhas “Violão e Guitarra” e ficava puto quando invadíamos o loc
Pedro Oliveira: Controle Interno no processo de administração municipal

Pedro Oliveira: Controle Interno no processo de administração municipal

Artigo
  O jornalista Pedro Oliveira, que também é professor e especialista em contratação pública, escreveu hoje um oportuno artigo dirigido aos prefeitos que tomaram posse no dia 1, chamando a atenção para importante assunto com o qual os administradores irão se deparar e dedicar a maior atenção: O Controle Interno da Administração. Segundo o texto muitos prefeitos negligenciam o cuidado com as atividades internas de licitações, processos de contratação e atividades administrativas e financeiras, ocorrendo no futuro denúncias de desvios de finalidade e punições pelos órgãos de controle externo, AGU, TCU e Tribunais de Contas dos Estados, ocorrendo até prisões as vezes por atos de má fé ou negligências nas prestações de contas. Pedro Oliveira que é procurador aposentado do Tribun
Em 24h, Bolsonaro usa suicídio contra vacina, chama brasileiros de maricas e ameaça guerra com os EUA

Em 24h, Bolsonaro usa suicídio contra vacina, chama brasileiros de maricas e ameaça guerra com os EUA

Artigo, Brasil, Vídeos
O presidente Jair Bolsonaro já falou muita merda. Seja em sua longa vida pública, afinal foi eleito deputado em 1991, ou mesmo durante seu cargo na presidência, que parte apenas para o fim do segundo ano. Ainda assim, o dia 10 de novembro conseguiu se destacar para ser lembrando pela infâmia. Reiterando: o presidente Jair Bolsonaro já falou muita merda. Dentre bizonhices, burradas ou piadas sem graça, não se engane, há ainda uma coleção de efemérides repleta de racismo, homofobia e outros discursos criminosos e hediondos. O pior de tudo não é nem mesmo seu discurso. Já se sabe como Bolsonaro é. Nem mesmo seu entorno político e de funcionários. Com familiares e subordinados repletos de denúncias com provas consistentes de desvio de dinheiro público e envolvimento com milícia, já s
Abuso de poder religioso como instituto autônomo alimenta ativismo judicial e extrapola delegação constitucional

Abuso de poder religioso como instituto autônomo alimenta ativismo judicial e extrapola delegação constitucional

Artigo
Por Arthur Lira* Na última quinta-feira (13), o Tribunal Superior Eleitoral suspendeu novamente o julgamento do Recurso Especial Eleitoral Nº 000008285, marcado pela proposta de viabilidade do exame jurídico do abuso de poder de autoridade religiosa no âmbito das Ações de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) encampada pelo ministro relator Edson Fachin, após voto do ministro Tarcisio Vieira contrário a tese defendida por Fachin. Inicialmente, cumpre destacar que além dos ministros supracitados, apenas Alexandre Moraes também proferiu voto. Neste sentido, ambos foram unânimes em reconhecer o recurso e dar provimento diante do caso concreto. Todavia, a divergência encontra-se na proposta de viabilidade de exame jurídico do abuso de poder de autoridade religiosa. Sendo assim, até
Carlos Avelino e Eulina: eu sempre quis escrever essa história de amor

Carlos Avelino e Eulina: eu sempre quis escrever essa história de amor

Artigo, Blog, Por Elas
Morreu Carlos Avelino; ‘Seu Carlos’, ‘Carlinho’, o “Carrinho”, como lhe chamava a doce e amada Eulina, companheira de união, que partiu na frente, para arrumar a casa – provavelmente uma casinha branca – para os dois morarem, lá no ceu, onde o tempo não conta; onde os anos não trazem as mazelas que enfraquecem e matam o corpo físico. ‘Carrinho’ foi amor único de Dona Eulina. Viveram juntos durante 77 anos de casamento (acho que um recorde), que ele costumava ampliar com os anos de namoro e noivado pra chegar perto dos 80. Ele era assim, exagerado em tudo.  E só se separaram porque, por aqui, a vida cumpre um ciclo: A gente nasce, cresce, reproduz-se e morre (esse é o ciclo biológico comum), mas nesse meio campo a gente erra, acerta, aprende, escolhe, ama, envelhece, e a eles foi dado o