29 de setembro de 2021Informação, independência e credibilidade

Política

Collor defende Bolsonaro em Alagoas: ‘não tem culpa pela pandemia ou falta de chuva’

Collor defende Bolsonaro em Alagoas: ‘não tem culpa pela pandemia ou falta de chuva’

Política, Vídeos
Diante do fiasco em suas medidas contra a pandemia mais e as crises econômica e hídrica, a popularidade do presidente Jair Bolsonaro despencou. E para tentar reverter este quadro, ele cai de cabeça em uma semana de viagens e obras para marcar os mil dias de governo. Nesta terça-feira (28), uma de suas passagens foi o município de Teotonio Vilela, para a entrega de 400 moradias populares no Residencial Dr. Marcelo Vilela. Apesar da alta do dólar, que elevou também o preço de alimentos, combustíveis e toda uma outra cadeia econômica, que resulta em inflação acima da média, o presidente, claro, foi recebido aos gritos de mito. E garantiu para si os cliques ao ser recepcionado por centenas de pessoas. E dentre as figuras presentes ao lado de Bolsonaro, estavam o presidente da
Petrobras anuncia novo aumento e Lira diz que Brasil não tolera mais estes preços

Petrobras anuncia novo aumento e Lira diz que Brasil não tolera mais estes preços

Política
A Petrobras elevará o preço do diesel nas refinarias em quase 9% a partir de quarta-feira (29), após 85 dias de estabilidade. Em nota, a companhia frisa que o movimento é importante para garantir o abastecimento do combustível no país. Com o ajuste, o valor médio do diesel vendido pela companhia a distribuidoras passará de R$ 2,81 para R$ 3,06 por litro, refletindo reajuste médio de R$ 0,25 por litro. A Petrobras ainda afirmou que apenas parte do preço preço final dos combustíveis é de sua responsabilidade. Ainda assim, o presidente da Câmara, Arthur Lira, resolveu não poupar palavras ao criticar o novo aumento, afirmando que o brasileiro não tolera mais gasolina custando R$ 7 o litro ou um botijão de gás por mais de R$ 120. https://twitter.com/ArthurLira_/status/1442857592015
Ministério da Saúde anuncia 3ª dose para pessoas com mais de 60 anos

Ministério da Saúde anuncia 3ª dose para pessoas com mais de 60 anos

Expresso, Política
O ministro da Saúde Marcelo Queiroga anunciou hoje que idosos acima de 60 anos também receberão uma dose de reforço da vacina contra a Covid-19. Ainda em isolamento nos Estados Unidos após ter sido diagnosticado com a doença, Queiroga fez o anúncio por meio de um telão durante um evento que marca os mil dias do governo federal em João Pessoa. "É possível hoje, no final do mês de setembro, já ofertar para os idosos brasileiros uma dose de reforço da vacina. Além dos idosos com mais de 70 anos, os profissionais de saúde que já foram anunciados e contemplados com o reforço, agora o Ministério da Saúde vai atender aqueles com mais de 60 anos. São cerca de 7 milhões de brasileiros nessa condição". Marcelo Queiroga, ministro da Saúde. ministro interino da Saúde, Rodrigo Cruz, ressaltou
CPI da Pandemia ouve hoje advogada de médicos que denunciaram a Prevent Senior

CPI da Pandemia ouve hoje advogada de médicos que denunciaram a Prevent Senior

Política
A CPI da Pandemia ouvirá na terça-feira (28), a partir das 10h, a advogada Bruna Morato, representante dos médicos que trabalharam na Prevent Senior e elaboraram um dossiê entregue à comissão com diversas denúncias sobre o tratamento da empresa aos pacientes com covid-19, inclusive com a alteração de prontuários. O requerimento de convocação de Morato foi apresentado pelo senador Humberto Costa (PT-PE). Nos últimos dias, a CPI tem se dedicado a mais uma linha de investigação: eles apuram, a partir do dossiê dos médicos, se a operadora usou indiscriminadamente em pacientes da rede remédios sem eficácia comprovada pela ciência, como a hidroxicloroquina. Eles ainda apuram se a Prevent Senior realizou experimentos com pacientes sem autorização das famílias e da Comissão Nacional de É
Caixa paga auxílio emergencial a nascidos em julho

Caixa paga auxílio emergencial a nascidos em julho

Política
Trabalhadores informais nascidos em julho recebem hoje (28) a sexta parcela da nova rodada do auxílio emergencial. O benefício tem parcelas de R$ 150 a R$ 375, dependendo da família. O pagamento também será feito a inscritos no Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos no mesmo mês. O dinheiro é depositado nas contas poupança digitais e pode ser movimentado pelo aplicativo Caixa Tem. Somente de duas a três semanas após o depósito, o dinheiro poderá ser sacado em espécie ou transferido para uma conta corrente. Também hoje, recebem a sexta parcela do auxílio emergencial os participantes no Bolsa Família com Número de Inscrição Social (NIS) de final 8. As datas de prorrogação do benefício foram anunciadas em agosto. Ao todo 45,6 milhões de brasileiros
Bolsonaro entrega em Teotonio Vilela 500 residências ao lado de Arthur Lira

Bolsonaro entrega em Teotonio Vilela 500 residências ao lado de Arthur Lira

Política
O presidente Jair Bolsonaro deve estar acompanhado do presidente da Câmara e aliado Arthur Lira, no município de Teotonio Vilela, para a entrega de moradias populares no Residencial Dr. Marcelo Vilela. Devem ainda está no evento a presença do senador Collor (PROS), e do ministro do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), Rogério Marinho, para a inauguração do investimento realizado para a construção dos módulos I e II, que contam com 400 unidades, e foi de R$ 13,6 milhões. A viagem faz parte de suas semana de viagens e obras para marcar os mil dias de governo. Diante do fraco em suas medidas contra a pandemia, e as fortes crises econômica e hídrica, popularidade do presidente Jair Bolsonaro despencou e ele tenta reverter o quadro com uma agenda positiva de inaugurações de o
Câmara aprova a federação de partidos em alternativa as coligações

Câmara aprova a federação de partidos em alternativa as coligações

Brasil, Política
Após o Senado derrubar o veto de Jair Bolsonaro às federações partidárias, foi a vez da Câmara também sacramentar o retorno da proposta de união partidária. A proposta, vista como uma alternativa às coligações e como uma forma de sobrevivência de partidos menores e com agenda mais definida, foi derrubada com 353 votos, contra 11o favoráveis à manutenção do veto. Houve ainda cinco abstenções. A questão foi votada em um conjunto de quatro vetos já derrubados pelo Senado. Os outros vetos tratavam da autorização para que fabricantes de vacinas veterinárias produzam insumos farmacêuticos ativos (IFA) e vacinas contra a covid-19 no Brasil; da Sociedade Anônima do Futebol; e da necessidade de prova de vida para beneficiários do INSS durante a pandemia. Todos os temas passam a vigorar co
Temer diz que é contra impeachment de Bolsonaro por causa do trauma

Temer diz que é contra impeachment de Bolsonaro por causa do trauma

Brasil, Política
O ex-presidente Michel Temer (MDB) avalia que não seria conveniente agora iniciar neste momento um processo de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro. Ele ressalta que a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid pode concluir que o presidente teve "incúria" no combate à Covid-19, o que eventualmente pode levar o Ministério Público a pedir o afastamento de Bolsonaro. Entretanto, Temer acredita que o momento não é o ideal para este processo. "Se você me perguntasse um ano atrás, eu diria que talvez fosse o caso de começar um impedimento. Nesse momento, eu não acho adequado", disse ele, em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, na noite desta segunda-feira, 27. Segundo Temer, o processo de impedimento é "traumático" e, com o mandato de Bolsonaro já em estági
Alagoas é um dos destinos de Bolsonaro em viagens que marcam mil dias de governo

Alagoas é um dos destinos de Bolsonaro em viagens que marcam mil dias de governo

Política
Diante do fraco em suas medidas contra a pandemia, e as fortes crises econômica e hídrica, popularidade do presidente Jair Bolsonaro despencou. E para tentar reverter este quadro, ele cairá de cabeça em uma semana de viagens e obras para marcar os mil dias de governo. Um dos destinos do presidente será o estado de Alagoas. Bolsonaro, que reinaugurou obras prontas e atacou os Calheiros em sua última passagem, com Arthur Lira e Fernando Collor ao seu lado, deve desembarcar com seus ministros em Teotônio Vilela já amanhã (28). A ideia é que o governo promova eventos em todos os estados do país e que haja ao menos uma entrega, seja de obra ou assinaturas para ações neste sentido, para tentar emplacar uma agenda positiva. Nos próximo dias, portanto, ele deve participar de uma série
Neonazistas apoiados por Bolsonaro sofrem nas eleições alemãs e perdem cadeiras para o Partido Verde

Neonazistas apoiados por Bolsonaro sofrem nas eleições alemãs e perdem cadeiras para o Partido Verde

Política
A eleições gerais na Alemanha, vencidas pelo Partido Social-Democrata (SPD), marcaram o melhor resultado do partido Os Verdes, segundo as projeções, colocando a legenda ambientalista como terceira força no Parlamento. Com isso, a votação marca o fortalecimento da sigla, que deve ser decisiva nas negociações para um novo governo e vê a extrema direita perder espaço no Parlamento - dois as aspectos que são um mal sinal para o presidente Jair Bolsonaro, tido como símbolo de desmatamento e aliado declarado de neonazistas alemães. Leia mais: Bolsonaro recebeu de braços abertos a neonazista Beatrix von Storch, neta de ministro de Hitler Eduardo Bolsonaro tem relapso nazista no Facebook e perfil é suspenso por 30 dias Bolsonaro agradeceu em carta apoio recebido por neonazistas E os