14 de junho de 2024Informação, independência e credibilidade

Política

Lula: não há decisão sobre permanência do ministro das Comunicações

Lula: não há decisão sobre permanência do ministro das Comunicações

Política
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, nesta quinta-feira (13), que não tem uma decisão tomada sobre a permanência do ministro das Comunicações, Juscelino Filho, no governo e que terá uma conversa com ele ainda hoje. Lula falou rapidamente à imprensa ao chegar em Genebra, na Suíça, onde participa da conferência da Organização Internacional do Trabalho (OIT). Juscelino Filho foi indiciado pela Polícia Federal (PF), suspeito de uso indevido de recursos públicos para a pavimentação de estradas que dão acesso a propriedades de sua família na cidade de Vitorino Freire, no Maranhão. “O fato de o cara estar indiciado não significa que ele cometeu o erro, significa que alguém está acusando e a acusação foi aceita. Agora, é preciso que prove que é inocentes e ele tem esse dire
Lula diz que vai à OIT para ser “o representante dos trabalhadores”

Lula diz que vai à OIT para ser “o representante dos trabalhadores”

Política
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva participa, nesta quinta-feira (13), da conferência da Organização Internacional do Trabalho (OIT) em Genebra, na Suíça, que terá como tema central a justiça social. Ontem (12), antes de embarcar para o evento, Lula afirmou que vai à OIT para ser “o representante dos trabalhadores”. Ele abrirá o encontro e reiterará o posicionamento brasileiro contrário à desigualdade e à exclusão social. “Um discurso de que não abro mão é o de falar contra a desigualdade, a desigualdade no mundo do trabalho, a desigualdade de raça, de educação, de gênero”, disse, lembrando os empresários brasileiros que questionaram na Justiça a lei da igualdade salarial entre homens e mulheres, que entrou em vigor em dezembro do ano passado. “Nós aprovamos no Congresso b
Câmara vota hoje projeto para punir deputados agressivos e brigões

Câmara vota hoje projeto para punir deputados agressivos e brigões

Política
O presidente  Câmara dos Deputados, Arthur Lira deve colocar em votação nesta quarta-feira, 12, o  Projeto de Resolução 32/24, da Mesa Diretora,  que que permite ao órgão suspender por até seis meses, por medida cautelar, os deputados considerados "brigões", desrespeitosos, preconceitosos e agressivos contra os seus pares. O projeto teve a tramitação aprovada em regime de urgência por 302 votos a 142. Com isso, a mesa diretora da casa pretende barrar as constantes quebra de decoro dentro do plenário e nas comissões. Os confrontos verificados nas últimas semanas nas reuniões da Câmara transcendem a falta de decoro e, praticamente transformam comissões e pleno do poder em uma estrebaria, tamanhos são os berros e gritarias de novos deputados, pouco afeitos à democracia e a diversida
Delação de presos entra em regime de urgência na Câmara

Delação de presos entra em regime de urgência na Câmara

Política
Nesta terça-feira, 11, a Câmara dos Deputados deve retomar os debates para acelerar a votação do projeto que proíbe delações premiadas de réus presos. O texto foi apresentado há oito anos e saiu da gaveta na semana passada, após uma movimentação do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP), que avisou a aliados o interesse de colocar regime de urgência na proposta. Em outubro do ano passado, o texto apresentado pelo deputado Luciano Amaral (PV-AL) foi juntado a uma proposta semelhante de 2016, do petista Wadih Damous (PT). O objetivo de usar uma versão alternativa para o debate é facilitar a votação e evitar temas que constam no texto original, como a previsão de prisão para quem divulgar conteúdo de delação. Esse ponto, por exemplo, poderia implicar no cerceamento da liberdade de
Câmara retoma nesta terça-feira o debate sobre o projeto do aborto

Câmara retoma nesta terça-feira o debate sobre o projeto do aborto

Política
Entra em discussão em regime de urgência nesta terça-feira, 11, na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei (PL) 1.904/24, que equipara o aborto ao homicídio simples. A matéria foi proposta pelo deputado Sóstenes Cavalcante (PL-RJ) e tem a coautoria de 32 parlamentares da oposição. A matéria altera quatro artigos do Código Penal para limitar o acesso à interrupção da gravidez — mesmo em casos de estupro. Caso a urgência seja aprovada, o projeto poderá ser votado também hoje, sem necessidade de passar pelas comissões. A expectativa de direita é de que os deputados aprovem o requerimento. "Creio na aprovação. Precisamos de um Congresso que defenda a vida, jamais o feticídio", afirmou o deputado Bibo Nunes (PL-RS), um dos signatários do texto. O projeto altera os artigos 124, 125, 126 e
Política Manifestantes protestam contra PEC das Praias

Política Manifestantes protestam contra PEC das Praias

Política
Manifestantes protestaram na manhã deste domingo (9), na praia de Ipanema, na zona sul do Rio de Janeiro, contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 3/2022, conhecida como PEC das Praias. O texto, que já foi aprovado em dois turnos na Câmara dos Deputados e agora está em discussão no Senado Federal, visa modificar a Constituição Federal, estabelecendo novas diretrizes para a propriedade e gestão dos terrenos de marinha, ou seja, aqueles que se localizam numa faixa de 33 metros para o interior, a partir da linha de maré alta. Com cartazes contra a PEC, os manifestantes gritaram slogans como “a praia é do povo”, recolheram assinaturas contra a proposta e isolaram uma parte da areia de Ipanema, com fita preta e amarela, para simular uma “privatização
Delação premiada e aborto movimentam um Congresso conservador nesta semana

Delação premiada e aborto movimentam um Congresso conservador nesta semana

Política
A urgência do projeto que equipara o aborto ao homicídio e a urgência da proposta que proíbe a delação premiada de pessoas presas devem entrar na pauta da Câmara dos Deputados desta semana. Anistia para dívidas de produtores rurais do Rio Grande do Sul (RS) também pode entrar na pauta. Já os projetos que regulamenta os cigarros eletrônicos e o que autoriza os jogos de azar no Brasil - como bingos, cassinos e jogo do bicho - podem ser votados nas comissões do Senado Federal. Além disso, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara pode incluír na Constituição a criminalização do porte ou posse de drogas. O parecer dessa proposta foi lido na última terça-feira (4) e o tema conta com amplo apoio dos parlamentares. Como a Câmara suspendeu a última sessão do plenário após a
Tragédia climática faz vendas da indústria caírem 15,6%  em maio no RS

Tragédia climática faz vendas da indústria caírem 15,6% em maio no RS

Brasil, Política
As enchentes e enxurradas provocadas pelas fortes chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul a partir do fim de abril tiveram seu impacto negativo sobre a indústria gaúcha mensurado pela Receita estadual, que constatou uma queda de 15,6% nas vendas ao longo do mês de maio, na comparação com o mesmo mês do ano anterior. Segundo boletim sobre arrecadação e emissão de notas fiscais no período, os setores mais impactados foram: insumos agropecuários, com -39,1% em maio; metalmecânico, com -24,4%; e de pneumáticos e borrachas, com -18,2%. O segmento de têxteis e vestuário, vendeu -17,2%, e o de Madeira, Cimento e Vidro, -16,1%. O setor agropecuário vendeu -9,9% em maio, na comparação anual, enquanto as vendas no setor alimentos recuou 5,3%. “Apesar disso, todos os setores analisados já a
Lula e Bolsonaro devem apoiar candidato de Lira a presidência da Câmara

Lula e Bolsonaro devem apoiar candidato de Lira a presidência da Câmara

Política
O ex-presidente Jair Bolsonaro anunciou sua disposição de fazer uma peregrinação na Câmara dos Deputados para apoiar o candidato a presidente da casa, Marcos Pereira, indicado por Arthur Lira (PP). Pereira deve ser o nome mais forte para a sucessão de Lira, mas sofre rejeição na base bolsonarista por falta de confiança. Com o apoio de Bolsonaro, ele espera superar as arestas. O próprio Marcos Pereira procurou Jair Bolsonaro para pedir apoio a sua candidatura. Pereira também tem aval do Palácio do Planalto, considerando que o presidente Lula já informou aos seus companheiros do PT e aliados que apoiará o nome indicado por Lira. A expectativa é que o presidente da Câmara relacione os nomes para a presidência da Câmara até agosto deste ano, quando encaminhará ao presidente Lula
Senado aprova taxação de compras internacionais de até US$ 50

Senado aprova taxação de compras internacionais de até US$ 50

Política
O plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (4) o projeto de lei 914/24, que institui o Programa Mobilidade Verde e Inovação (Mover). O texto traz incentivos financeiros e redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para estimular a pesquisa, o desenvolvimento e a produção de veículos com menor emissão de gases do efeito estufa. O projeto foi aprovado com uma emenda que prevê taxação de produtos importados até US$ 50, que foi incluída na Câmara dos Deputados, para onde o texto voltará para ser analisado novamente, após mudanças no conteúdo.  A mudança abrange grandes empresas varejistas internacionais que vendem pela internet, como Shopee, AliExpress e Shein. A emenda que prevê a taxa sobre as importações havia sido retirada do projeto pelo  relator da proposta n