27 de janeiro de 2021Informação, independência e credibilidade

Brasil

Bolsonaro não gastou R$ 15 milhões em leite condensado e distorção afeta denúncia dos gastos

Bolsonaro não gastou R$ 15 milhões em leite condensado e distorção afeta denúncia dos gastos

Brasil
Não, o presidente Jair Bolsonaro, sozinho, não colocou em suas contas pessoais gastos de R$ 15,6 milhões em leite condensado no ano passado. Essa foi a narrativa dos memes e parte de noticiários após o portal Metrópole relatar que o Governo Federal aumentou em 20% os gastos com alimentação, somando gastos de mais de R$ 1,8 bilhão em 2019. Isso segundo o Painel de Compras, atualizado pelo Ministério da Economia (e considerando apenas itens que somaram mais de R$ 1 milhão pagos). Ciro Gomes e o Partido Democrático Trabalhista (PDT) já afirmaram que vão acionar o Supremo Tribunal Federal (STF) para que os gastos sejam investigados. https://twitter.com/cirogomes/status/1354105409389404161 Mas tomando rumo fácil para a piada do presidente que se diz simples e gosta de comer pão com
Padres e pastores pedem impeachment de Bolsonaro na Câmara

Padres e pastores pedem impeachment de Bolsonaro na Câmara

Brasil
Um pedido de impeachment assinado por mais de 380 lideranças da igreja católica e de diversas denominações evangélicas foi apresentado nesta terça-feira, 26, na Câmara dos Deputados. A articulação surgiu a partir de diversos grupos religiosos e o objeto central do pedido é a ação do governo Um dos signatários do pedido, o monge menonita Marcelo Barros - teólogo ligado à Teologia da Libertação - afirmou que Jair Bolsonaro, desde sua campanha, tem se beneficiado da divulgação de notícias falsas e da “utilização absolutamente desonesta da religião, de Deus e da Fé”. “Um dos gritos dessa força que trouxe o atual presidente ao poder era “Deus acima de todos”. Muitos religiosos e religiosas das mais diversas religiões precisavam vir a público para dizer que não estamos de acordo com es
Governo Bolsonaro cortou 69% da cota de importação para pesquisas científicas

Governo Bolsonaro cortou 69% da cota de importação para pesquisas científicas

Brasil
Desde que assumiu a presidência, em 2019, o  governo Jair Bolsonaro já cortou 68,9% da cota de importação de equipamentos e insumos destinados à pesquisa científica. Como esperado, o corte atingiu as ações desenvolvidas pelo Instituto Butantan e pela Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) no combate à pandemia da Covid-19. A cota de importação é um valor total de produtos comprados de outros países, destinados à pesquisa científica, que ficam livres de impostos de importação. E se em 2020 o valor era de US$ 300 milhões (R$ 1,6 bilhão na cotação atual), agora em caiu para apenas US$ 93,29 milhões (R$ 499,6 milhões). A definição sobre a cota ocorre todo ano, e fica a cargo do Ministério da Economia. Como comparativo, em 2010, o valor da cota foi de US$ 600 milhões e em 2014 de US$ 7
Astrazeneca diz não ter vacinas disponíveis ao mercado privado

Astrazeneca diz não ter vacinas disponíveis ao mercado privado

Brasil
A farmacêutica AstraZeneca, que desenvolve uma vacina contra o novo coronavírus em parceria com a Universidade de Oxford, informou hoje (26) que não tem doses disponíveis do imunizante para o mercado privado. “No momento, todas as doses da vacina estão disponíveis por meio de acordos firmados com governos e organizações multilaterais ao redor do mundo, incluindo da Covax Facility, não sendo possível disponibilizar vacinas para o mercado privado”. Nota da AstraZeneca. A Covax Facility é um consórcio internacional do qual o Brasil faz parte, para garantir a distribuição de vacinas a países mais pobres. Mais cedo, ao participar de um seminário sobre investimentos na América Latina, o presidente Jair Bolsonaro disse que apoiaria uma iniciativa de empresários de importar, por conta pró
Explodem memes com denúncia de que Bolsonaro gastou R$ 15 milhões com leite condensado

Explodem memes com denúncia de que Bolsonaro gastou R$ 15 milhões com leite condensado

Brasil
  A denúncia de que o governo do presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) gastou R$ 15.641.777,49 apenas em Leite Condensado no ano de 2020 fez com que explodissem nas redes diversos memes sobre o assunto. Além dos itens de “cesta básica”, chamam atenção os R$ 16,5 milhões gastos em batata frita embalada, R$ 13,4 milhões em barra de cereal, R$ 12,4 mi em ervilha em conserva, R$ 21,4 mi em iogurte natural. Só em goma de mascar (chicletes), foram R$ 2.203.681. Com base no Painel de Compras, do Ministério da Economia, o  jornal Metrópoles anotou gastos de mais de R$ 1,8 bilhão no carrinho de compras do governo, um aumento de 20%. Até a apresentadora de programa culinário, Rita Lobo, entrou na brincadeira. De acordo com ela, “Se você tivesse mais de 2 milhões de latas
Médicos de Manaus praticam eutanásia para aliviar dor nos pacientes de Covid

Médicos de Manaus praticam eutanásia para aliviar dor nos pacientes de Covid

Blog, Brasil, Marcelo Firmino
A eutanásia para aliviar a dor de pacientes e o martírio de familiares das vítimas do Covid-19. É assim que médicos de Manaus estão atuando, segundo denunciou o Sindicato dos Médicos do Amazonas (Smeam_ Mário Vinna, presidente do Simeam gravou um vídeo para as redes sociais, nesta terça-feira, 26, e afirmou que a eutanásia virou rotina nos hospitais públicos de Manaus. “Enquanto eu estou gravando esse vídeo, naquela televisão ali atrás, onde estou de plantão, acabou de passar uma reportagem onde uma médica declara claramente, emocionada, que estão praticando eutanásia em Manaus. Se isso não for o fim do mundo, eu não sei o que será o fim do mundo”, diz Vianna. Plantonista de hospital, o líder dos médicos amazonenses fez um apelo emocionado ao Presidente da República: -Eu quero
Enfermeira que debochou da vacina coronavac é demitida do hospital

Enfermeira que debochou da vacina coronavac é demitida do hospital

Brasil
A enfermeira Nathanna Faria Ceschim foi demitida do cargo na Santa Casa de Misericórdia de Vitória, no Espírito Santo, depois de um vídeo gravado e publicado por ela nas redes sociais onde debocha da vacina CoronaVac, do Instituto Butantan. O hospital comunicou que tomou todas as medidas necessárias e não irá falar mais sobre o caso. Em nota, a direção informou que continua com a postura firme e clara “em relação à importância da vacina como única solução possível para conter o avanço dos novos casos de coronavírus". O vídeo que viralizou e causou indignação, mostra a profissional na Santa Casa de Misericórdia sem máscara dizendo que só tomou a vacina contra a COVID-19 porque queria viajar. "Tomei por conta que quero viajar, e não para me sentir mais segura. Uma vacina
Bolsonaro se curva aos chineses e agradece pela “vachina” que antes não queria comprar

Bolsonaro se curva aos chineses e agradece pela “vachina” que antes não queria comprar

Brasil
Sem palavras nem bússola moral, o presidente Jair Bolsonaro mudou suas ações e linha de pensamento. Novamente. Desta vez, pressionado pelas vacinas que se esforçou em não oferecer aos brasileiros durante toda a pandemia, Bolsonaro corre contra o tempo (e sua ideologia) e já passa a agradecer o governo chinês pela nova remessa de insumos da Coronavac. Após a Anvisa autorizar a vacina no Brasil, na semana passada, o presidente ficou sem tocar no assunto por quase dois dias. Isso pra depois dizer que "a vacina é do Brasil, não de um governador". Mas com a popularidade em queda, o presidente precisou se virar para que autoridades do país asiático autorizassem a exportação de 5.400 litros de insumos do imunizante da chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan e reverter se
Covid-19: Brasil registra mais de mil mortes em 24 horas pelo 5º dia seguido

Covid-19: Brasil registra mais de mil mortes em 24 horas pelo 5º dia seguido

Brasil, Expresso
O Brasil completou nesta segunda (25) cinco dias com média de mortes por covid-19 acima de mil. Foram 1.055 óbitos em média nos últimos sete dias, ainda assim, o país apresenta estabilidade. Os dados são do consórcio de veículos de imprensa. Este é o terceiro dia seguido em que a média de mortes é a maior desde 4 de agosto, quando registrou 1.066. A variação na comparação com 14 dias atrás foi de 6%, o que representa estabilidade, ainda que em números muito altos. No sábado (23) e no domingo (24), o país já havia apresentado as maiores médias móveis dos últimos 5 meses: respectivamente, 1.021 e 1.030. Não se via uma sequência tão grande no país desde o período de 31 dias entre 3 de julho e 2 de agosto, o maior já verificado durante a pandemia. Nas últimas 24 horas, foram registrad
STF autoriza inquérito que investiga Pazuello por crise no Amazonas

STF autoriza inquérito que investiga Pazuello por crise no Amazonas

Brasil
O ministro Ricardo Lewandowski, no STF (Supremo Tribunal Federal), autorizou no final de segunda (25) a abertura de inquérito contra o ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, para apurar se ele tem responsabilidade na crise de falta de oxigênio no Amazonas e pela condução da crise no estado, que vive um colapso na saúde em meio à alta nos casos de covid-19. Assim sendo, o general agora é considerado formalmente investigado. O pedido foi enviado ao STF pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, no último sábado (23), com o objetivo de apurar se houve omissão de Pazuello no enfrentamento da situação crítica no estado. Em janeiro, pacientes morreram asfixiados devido à falta de cilindros de oxigênio medicinal no Amazonas. O ministro do STF definiu ainda que Pazuello d