14 de julho de 2024Informação, independência e credibilidade
Policia

PFl deflagra em Marechal operação de repressão ao tráfico de animais silvestres

Objetivo da medida é fiscalizar os plantéis e avançar na apuração dos crimes de falsificação de selo público e tráfico de animais silvestres

A Polícia Federal, por meio da Delegacia de Repressão à Crimes Ambientais (DMA/AL), juntamente com o IBAMA, deflagrou na manhã dessa quinta-feira (11) a Operação Trinado, visando reprimir o tráfico de animais silvestres no Estado de Alagoas.

Os policiais federais cumprem quatro mandados de busca em apreensão nas cidades de Marechal Deodoro, em Alagoas e Porto da Folha, Sergipe.

Durante o cumprimento das medidas judiciais foram lavrados quatro Termos Circunstanciados de Ocorrência – TCO, pelo crime previsto no art.29, §1º, inciso III, da Lei nº 9.605/98, por terem sido encontrados nos locais vários pássaros sem anilhas e sem certificação do IBAMA.

A investigação teve início a partir da constatação de falsidade e adulteração em anilhas de pássaros apreendidos em um torneio de canto ilegal, realizado em Marechal Deodoro/AL, no dia 17 de março de 2024. Na ocasião foi verificada ainda a presença de 124 (centro e vinte quatro) aves sem anilhas e, portanto, ilegais.

O objetivo da medida é fiscalizar os plantéis e avançar na apuração dos crimes de falsificação de selo público e tráfico de animais silvestres, entre outros que porventura possam estar associados. O nome TRINADO da operação faz referência ao som melodioso produzido por alguns pássaros.

Os suspeitos podem responder pelos crimes previstos no art.296, §1º, inciso I, do Código Penal e art.29, caput, da Lei nº 9.605/98, cuja as penas máximas somadas podem chegar a 07 (sete) anos de reclusão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.