19 de maio de 2024Informação, independência e credibilidade
Expresso

Após denúncias, DMTT remove quatro veículos com características de abandono

Operação já resultou na retirada de mais de 40 automóveis estacionados em vias públicas de Maceió

Após denúncias, DMTT remove quatro veículos com características de abandono
Ação na Pitanquinha teve três remoções. Foto: DMTT
Quatro veículos com características de abandono foram removidos por agentes do Departamento Municipal de Transportes e Trânsito (DMTT) de Maceió, na manhã da última sexta-feira (26), nos bairros Jatiúca e Pitanguinha. As remoções são resultado da 8ª fase da operação “Veículos Abandonados”. Com os números dessa ação, 43 automóveis foram retirados de vias públicas da Capital alagoana.

A ação tem como objetivo retirar veículos abandonados estacionados irregularmente em vias públicas, proporcionando assim a melhora da mobilidade urbana com a desobstrução da faixa ocupada. A medida ainda otimiza o trânsito local e o acesso de moradores às suas residências, além do tráfego do transporte público.

No primeiro momento, os agentes de trânsito do Grupamento de Pronta Resposta (GPROR) da Diretoria de Policiamento Viário (DPOL) se deslocaram até a Rua José Luiz Calazans, na Jatiúca, onde havia uma Van abandonada há mais de um ano. O veículo foi vistoriado e prontamente removido.

Na sequência, os agentes seguiram para a Rua Mário Lôbo, na Pitanguinha, onde moradores e usuários do transporte público denunciaram a existência de veículos abandonados que atrapalhavam a mobilidade na região. A equipe fez a remoção de três automóveis no local.

“É um trabalho que estamos desenvolvendo para dar cada vez mais condições para que o trânsito flua. Atendemos nessas demandas a pedidos da população. São carros que obstruem a entrada de veículos em seus imóveis, atrapalham a circulação e as manobras feitas por ônibus, causando diversos transtornos”, explicou o coordenador do GPROR, Nicolas Albuquerque.

“Estávamos ansiosos que esses veículos saíssem. Só temos a agradecer a ação que fizeram hoje aqui. Complicado querer parar perto de casa para desembarcar de um táxi ou até mesmo acessar o imóvel e ter um obstáculo que só trazia risco aos moradores e a quem passava por aqui”, comentou uma moradora da Pitanguinha, que não quis se identificar.

Saúde e Segurança

Além de melhorar as condições para a mobilidade urbana na via, as ações para a retirada de veículos abandonados auxiliam ainda em questões como saúde e segurança pública.

“Esses carros, em muitas situações, são pontos para acúmulo de água, o que favorece a proliferação do mosquito Aedes aegypti, responsável por causar dengue e outras doenças”, explica o diretor-presidente do DMTT, André Costa. “É importante mencionar ainda que em algumas situações, esses veículos podem servir como esconderijo para a prática de crimes e até mesmo para o consumo de drogas. De um modo geral, é um benefício para a comunidade”, finalizou.

Denúncias

Para denunciar situações de abandono, o DMTT disponibiliza canais para o contato direto da população. Uma das opções é pelo número 118, disponível de segunda à sexta-feira, das 7h às 19h. Também é possível entrar em contato pelo telefone (82) 3312-5340, que atende 24 horas. Outra opção é pelo aplicativo DMTT Maceió – NOI Cidadão. Após a formalização da denúncia, uma visita ao local será incluída nas ordens de serviços das equipes de fiscalização.