21 de outubro de 2020Informação, independência e credibilidade

Blog

Na planície da mediocridade, matar o marido e dinheiro nas nádegas é do bem

Na planície da mediocridade, matar o marido e dinheiro nas nádegas é do bem

Blog, Marcelo Firmino
Até bem pouco tempo, as comissões de ética da Câmara e do Senado Federal existiam e, bem ou mal, atuavam. Desde um palavrão dito por um parlamentar contra um colega até a prática de crimes de menor ou maior grau passavam por elas. Às vezes não dava em nada por que o espírito de corpo sempre esteve presente nas sessões de julgamentos. Agora, no entanto, parece que o Brasil vive uma nova onda, onde os parlamentares surfam intocáveis, sem arrebentação. Deputada mata o marido, deputado xinga a mãe do colega, outro usa as redes sociais para chamar a ex-amiga parlamentar de vagabunda, até ameaças de estupro em plenário se transformaram em enredos da nova política nacional. E não para o roteiro interminável de acintes, achincalhes, crimes e aberrações de toda ordem que expõem o pa

Transformaram o estupro em virtude e a caridade em pecado

Blog, Wagner Melo
Em 2010, quando se recusaram a visitar crianças com paralisia cerebral somente porque o lar onde elas estavam seguia a doutrina espírita, peguei nojo dos supremacistas evangélicos Neymar e Robinho. É daqueles tipos de crentes hipócritas, pois, Neymar engravidou uma adolescente sem estar casado com ela (ele não sabia que sexo fora do casamento é pecado, mas, a caridade é uma virtude?) e Robinho, hoje, responde a um processo por estupro na Itália, com fartas provas, inclusive, gravações comprometedoras. “Estou rindo porque não estou nem aí, a mulher estava completamente bêbada, não sabe nem o que aconteceu”, disse o cristão em um dos áudios captados pela Justiça italiana. Em entrevista, Robinho disse que recebeu apoio de Neymar. Estes são os ídolos da garotada e de uma religiosidade
O salto de Davi Filho na pesquisa do Ibrape é ameaça Gaspar e JHC

O salto de Davi Filho na pesquisa do Ibrape é ameaça Gaspar e JHC

Blog
Jovem, com estrutura partidária e um trabalho assistencialista na periferia da cidade, o candidato do PP, Davi Filho, segundo a pesquisa do Ibrape, inicia uma reação e passa a ser uma ameaça real aos dois primeiros colocados na corrida eleitoral em Maceió. Favorece-o ainda uma coligação que lhe deu o maior tempo de rádio e televisão na campanha, cujas peças têm se destacado dos demais. Davi Filho, que vinha pontuando em média de 5%,  saltou para 15% das intenções de votos em pouco mais de uma semana. É um pulo impressionante. Embora, na verdade, essa era a pontuação que se esperava dele desde o início. Agora, deixou para trás o candidato Cícero Almeida, que vinha em terceiro com 10%, e nesta aparece com 6%. Gaspar e JHC, se mantém empatados tecnicamente com 27%, e  com 25%, re
Novo normal da sociedade espanca mulheres e confunde liberdade com brutalidade

Novo normal da sociedade espanca mulheres e confunde liberdade com brutalidade

Blog, Marcelo Firmino
De repente o "novo normal'  na sociedade brasileira expôs as personalidade de figuras desnorteadas fazendo da perversidade a arma da sustentação do ser. É como se pessoas estivessem se abrindo - e não por encanto -  talvez, pela raiva, ódio ou qualquer outro sentimento insano e deixando às claras o que de há muito estava oculto no seu interior. E assim aparecem as figuras para espancar mulheres, como fez recentemente o "valentão" de Ilhéus, na Bahia, explicitando toda a sua covardia em uma violência criminosa, própria de um psicopata. Há quem diga que isso é um caso isolado, mas não é. Os dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) dizem que 1 em cada 3 mulheres sofrem de violência física e/ou sexual, praticadas pelos homens. E aí quando denunciados ou flagrados partem para
Política em família: Senador da cueca sai, mas o filho entra no lugar

Política em família: Senador da cueca sai, mas o filho entra no lugar

Blog, Marcelo Firmino
A política de pai para a filho é um grande negócio lucrativo em família no Brasil. Ética, seriedade, honestidade, bons princípio, coisa nenhuma. O que vale é "Matheus cuida dos teus". Assim como em Alagoas são famílias inteiras vivendo com dinheiro dos cofres públicos, graças as façanhas políticas, e outras tantas candidatas à mesma situação, pelo País à fora não é diferente. Que o diga o senador Chico Rodrigues (Democratas-RR), vice-líder do governo Bolsonaro, flagrado com dinheiro nas nádegas pela Polícia Federal. Ele está prestes a ser cassado do mandato de senador em consequência da acusação de corrupção neste caso. Mas, se ele deixa o mandato quem assume é exatamente o filho Pedro Arthur Rodrigues, administrador, que vem a ser o primeiro suplente dele. Agora diga aí: aonde está
Paulo Guedes do alto de sua arrogância: ‘prefiro esse imposto de merda’

Paulo Guedes do alto de sua arrogância: ‘prefiro esse imposto de merda’

Blog, Economia, Marcelo Firmino
Do alto de sua explícita arrogância, o ministro da Economia, Paulo Guedes, segue fiel ao estilo rasteiro de ser da maioria governista e joga a prepotência em sua defesa da criação da CPMF, imposto condenado antes pela sociedade brasileira. Nesta sexta-feira, 16, Guedes afirmou que não desiste da criação do imposto sobre transações financeiras nos meios digitais e aplicativos de celular. Só que usa certos contextos no argumento que, em qualquer outro governo, seria chamado, no mínimo, de sujeito deselegante. -Enquanto não houver uma solução melhor, eu prefiro esse imposto de merda. - Disse ele. Até parece que a merda virou boné ou passou a ser instrumento de primeira utilidade nas ações do governo. Talvez, inclusive, com um coach como vice-líder, senador Chico Rodrigues. E s
Das fronhas às esposas amadas: a brutalidade cultuada no coronelismo

Das fronhas às esposas amadas: a brutalidade cultuada no coronelismo

Blog, Marcelo Firmino
O coronelismo político mantém seu protagonismo em Alagoas, um dos Estados mais conservadores da Federação. Nesse tempo, quando a campanha eleitoral descamba no interior do Estado para que os atores políticos passem a desrespeitar as mães e esposas alheias, quando expõem até a pluralidade das fronhas de forma preconceituosa, só demonstra que as velhas práticas do passado nefasto não foram abandonadas. Pelo contrário. Continuam cultivadas como demonstração de força, machismo e absoluta falta de vergonha. O coronelismo criou sua elite que hoje domina currais eleitorais no Estado e esta não admite mudança de rumos no poder.  Daí, transformam os municípios em capitanias hereditárias para o deleite de pais, mães, filhos, filhas, irmãos, primos, primas... E com essa cultura no pal

Como a carolice é um dos motores da miséria

Blog, Wagner Melo
A mídia voltou a retratar a miséria no país. Não é raro ver reportagens sobre pessoas voltando à situação de fome, sem teto após a renda cair ou sumir diante dessa pandemia. Gente que perdeu o emprego e voltou a mendigar. Dia desses, uma mulher me pediu uma ajuda, com uma criança no colo. Tinha mais três em casa, esperando algo para comer. Perguntei se ela estava recebendo o auxílio emergencial certinho. Não conseguiu. Bolsa Família? Cancelada. Enquanto pessoas com renda e emprego receberam o tal recurso, muitos que realmente precisam estão à míngua, esperando “por Deus”. Bem, indo ao ponto, que vejo nos fóruns de internet é gente reclamando do número de filhos que essas pessoas puseram no mundo. - Nossa, cinco, seis filhos e não podem sustentar? Que absurdo! O brado das pes
De olho no poder, MDB está a um passo de uma aliança com Bolsonaro

De olho no poder, MDB está a um passo de uma aliança com Bolsonaro

Blog, Marcelo Firmino
A nova política cantada em verso e prosa por parte dos brasileiros até recentemente está sendo sepultada, sem remorsos, no enredo traçado pela velhas "raposas" do País. Primeiro, o bloco do Centrão chegou e se instalou no poder com todas as pompas de braço forte da política nacional, hoje cultuado pelos poderosos do Planalto. Segundo, entra em cena o velho e matreiro MDB que está flertando com os gabinetes palacianos do governo Bolsonaro, assim como fizeram PL, PSD, PP, PTB de Roberto Jefferson, e o Republicanos. Os caminhos do acordo do Palácio do Planalto com o MDB passam pelos senadores Renan Calheiros, nordestino de Alagoas, e Eduardo Braga, nortista do Amazonas. Nordeste e o Norte são duas regiões que, nas eleições passadas, não foram muito favoráveis a Jair Bolsonaro.
Luciano Barbosa em campanha para prefeito: Deus salve Arapiraca

Luciano Barbosa em campanha para prefeito: Deus salve Arapiraca

Blog
O inusitado nas eleições deste ano nos municípios alagoanos está mesmo na cidade de Arapiraca, onde o candidato da preferência popular pode até ganhar, mas não levar. O vice-governador, Luciano Barbosa, após o rompimento com o governador Renan Filho e o senador Renan Calheiros, continua a todo vapor nas ruas arapiraquenses em campanha para  prefeito pelo MDB. As imagens que circulam nas redes sociais sobre a campanha são impressionantes. É muita gente a correr para abraçar o candidato. É como se estivessem a dizer que nesse episódio da briga interna partidária, o candidato foi injustiçado. Seria isso mesmo? Acontece que o novo presidente do MDB de Arapiraca, Paulo Guilherme Leão, tem dito na cidade que Barbosa não é candidato da legenda por não ter seu nome na ata de regist