24 de fevereiro de 2024Informação, independência e credibilidade
Brasil

Banco Central empossa hoje novos diretores, indicados pelo presidente Lula

A posse dos dirigentes do BC vai acontecer em ato fechado à imprensa

Rodrigo Alves e e Paulo Picchetti foram aprovados para o BC pelo Senado em novembro de 2023.

Indicados pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), os economistas Paulo Picchetti e Rodrigo Alves Teixeira tomam posse na diretoria do Banco Central (BC) nesta terça-feira, 2 de janeiro.

A posse dos dirigentes do BC vai se dar em ato fechado à imprensa e sem horário definido, segundo a autarquia monetária.

Também não haverá divulgação de imagens. Conforme a assessoria de comunicação do BC, a assinatura será feita no gabinete dos novos diretores.
Picchetti irá assumir a Diretoria de Assuntos Internacionais e de Gestão de Riscos Corporativos, enquanto Teixeira ficará responsável pela Diretoria de Administração.

Os dois nomes foram indicados  em 10 de novembro de 2023 e as indicações feitas pelo Palácio do Planalto foram aprovadas em sessão do Senado.

Os mandatos vão até 31 de dezembro de 2027, podendo ser renovados por mais quatro anos, como previsto na Lei de Autonomia do BC.