26 de junho de 2022Informação, independência e credibilidade
Governo

Com base da Defesa Civil: Pinheiro terá segurança reforçada

Com a desocupação das residência, a preocupação é com a segurança no bairro para evitar furtos e roubos

Após se reunir com grupos de moradores do bairro do Pinheiro, o Salão de Despachos do Palácio República dos Palmares, em Maceió, o governador Renan Filho determinou a instalação de uma base fixa da Defesa Civil no Pinheiro e o reforço da Segurança Pública naquela localidade.

Diante da desocupação das residência, a preocupação é com a segurança no bairro para evitar furtos e roubos, garantiu ele após ouvir reivindicações dos residentes afetados pela instabilidade do solo e rachaduras.

Entre as medidas anunciadas está a criação de um site, através da Secretaria de Estado da Comunicação (Secom), que será lançado na próxima semana e concentrará todas as informações oficiais sobre a situação do bairro. A reunião foi realizada por meio da Comissão de Acompanhamento e Apoio à Situação do Pinheiro (Caspi).

O governador garantiu, também, que vai expandir de dois para três o número de representantes da comunidade na Caspi e avaliar a participação de mais órgãos na estrutura da Comissão de Acompanhamento e Apoio à Situação do Pinheiro.

Renan Filho tem ainda cobrado do Governo Federal celeridade na conclusão dos estudos geológicos que devem apontar as causas da instabilidade do solo. Após a reunião desta quinta-feira, o chefe do Executivo anunciou que voltará ao bairro, a pedido dos moradores.

O deputado estadual Francisco Tenório (PMN) também participou do encontro e ressaltou a importância de um diagnóstico, com informações oficiais e definitivas da situação. Ele lembrou ainda que Assembleia Legislativa realizará uma sessão especial para debater o assunto no próximo dia 22 de fevereiro:

“Quero me colocar à disposição para colaborar no que for possível, para ajudar na solução das questões apresentadas pela Comissão de Acompanhamento e Apoio à Situação do Pinheiro (Caspi). Solicitei, ainda, rondas policiais no bairro, para melhorar a segurança pública da comunidade”. Francisco Tenório (PMN), Deputado Estadual.

No próximo dia 16 está marcada a realização do simulado de desocupação do bairro. O treinamento estabelece o deslocamento dos moradores aos seis pontos de apoio designados para situações de emergência.

“Precisamos concluir o estudo técnico que apresentará o que está causando essas rachaduras e o aparecimento de buracos no Pinheiro. Somente a partir daí a gente pode, de maneira mais precisa, afirmar para a população o que está acontecendo. O fato é que quem mora na área vermelha precisa seguir as orientações da Defesa Civil para que não aconteça o desabamento de casas e vidas sejam perdidas”. Renan Filho, Governador de Alagoas.