1 de março de 2024Informação, independência e credibilidade
Justiça

Constantino, Fiúza e Paulo Figueiredo são banidos de redes sociais, diz ICL

Fiúza, Constantino e Figueiredo disseminaram fake news, discursos de ódio e incitaram ataques contra o STF

Fiúza, Constantino e Figueiredo tiveram contas bolqueadas no YouTube, Facebook e Instagram

Os bolsonaristas Rodrigo Constantino, Guilherme Fiúza e Paulo Figueiredo Filho foram banidos globalmente das plataformas YouTube, Facebook e Instagram. Segundo publicou o DCM, no Brasil eles também estão com contas restringidas no X (antigo Twitter).

A CNN informou que a decisão foi tomada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes no âmbito de um inquérito que tramita de forma confidencial. A investigação tem como objetivo apurar o trio por disseminação de discurso de ódio e antidemocrático.

Os ex-comentaristas da Jovem Pan, emissora que abrigou bolsonaristas durante o governo anterior, compartilharam mentiras sobre a Covid e incitaram ataques ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), promovendo fake news sobre o sistema eleitoral brasileiro

Paulo Figueiredo também afirmou que suas contas bancárias foram bloqueadas, e ele também teve o passaporte cancelado.

Fonte: ICL Notícias