22 de abril de 2024Informação, independência e credibilidade
Policia

Delegacia Regional de Santana do Ipanema registrou 50 pedidos de medidas protetivas de urgência este ano

Todas as solicitações de medidas protetivas encaminhadas por ela foram deferidas pela Justiça, diz delegada

Delegada Daniella Andrade destacou o apoio do Poder Judiciário no combate à violência contra mulher

A delegada Daniella Andrade, titular da 2ª Delegacia Regional de Santana do Ipanema, informou que este ano, a 2ª DRP de Santana do Ipanema, já enviou para Justiça 50 pedidos de medidas protetivas de urgência solicitados por mulheres vítimas de violência doméstica ou em situação de risco.

A autoridade policial também destacou o apoio do Poder Judiciário no combate à violência contra mulher. Segundo a delegada, todas as solicitações de medidas protetivas encaminhadas por ela foram deferidas pela Justiça. Isso reflete confiança das mulheres nas instituições de proteção.

O delegado-geral da Polícia Civil, Gustavo Xavier, disse que combater a violência contra a mulher é prioridade, e a Polícia Civil vem realizando várias operações para prender esses agressores e garantir a dignidade e o direito de paz para as mulheres.

“Medidas protetivas de urgência são uma das principais ações de proteção às mulheres vítimas de violência doméstica. E a mulher passou a confiar mais nas instituições. Então ela confia na Polícia e no Poder Judiciário. Assim, quando a mulher se sente em situação de violência, ela procura as instituições de proteção, sendo concedidas medidas protetivas para protegê-las do agressor”, disse o delegado.