24 de fevereiro de 2024Informação, independência e credibilidade
Justiça

Durante evento, MPAL apresenta as ações desenvolvidas em prol da comunidade LGBTQIAPN+

Participantes foram inteirados das ações desenvolvidas pelo MP em prol da população

O Ministério Público de Alagoas participou nesta quinta-feira (25) do I Simpósio de Visibilidade Transvestigênere do estado. No encontro, a promotora de Justiça Marluce Falcão, que é coordenadora do Núcleo de Defesa dos Direitos Humanos, apresentou aos participantes as ações desenvolvidas pelo MP em prol da população LGBTQIAPN+.

“Pudemos mostrar a toda a comunidade LGBTQIA+ a atuação do Ministério Público, não apenas na defesa dos direitos que já são assegurados por lei, mas também na luta por visibilidade e inclusão. Hoje nós estávamos discutindo a questão transvestigênere, que é um termo novo e que traz uma série de apontamentos fortes no combate à transfobia”.

A promotora de Justiça aproveitou a oportunidade para destacar que no próximo dia 29 é celebrado em todo o país o Dia da Visibilidade Trans. Durante o bate-papo, os participantes ficaram conhecendo um pouco mais sobre o Plano Estratégico Institucional do MPAL, que traz, em suas metas, ações em prol da comunidade LGBTQIAPN+.

“O Ministério Público inclusive assegura, por meio do seu Plano Estratégico Institucional, que a atuação de membros e servidores tenha essa atenção para a defesa dos interesses da comunidade LGBTQIA+, principalmente daqueles que estão em situação de vulnerabilidade social”.