2 de março de 2024Informação, independência e credibilidade
Blog

Limoeiro de Anadia: um velho barril de pólvora pronto para explodir

A briga entre os primos Antônio Albuquerque e Marlan Ferreira é um problema antigo

Albuquerque X Marlan: os primos que não se abraçam

A briga entre o deputado estadual Antônio Albuquerque (Republicanos) e o prefeito de Limoeiro de Anadia, Marlan Ferreira (PP), é antiga, mas requer a devida atenção das autoridades da área de segurança.

Os dois são primos e brigam pelo domínio político de Limoeiro desde antes de ingressarem na política.

A acusação de que o prefeito teria contratado um pistoleiro para matar Paulo Pereira, um assessor do deputado, segundo denunciou o próprio Albuquerque, não pode ser descartada pelas instâncias policiais.

Mas, também não deve ser deixada de lado a fala do prefeito, quando diz que o deputado teria feito algumas ligações para familiares de Paulo provocando a tomarem iniciativa contra ele.

Ambos jogam com as palavras e é preciso que as autoridades estejam atentas para o fato de que Limoeiro de Anadia é um velho barril de pólvora pronto para explodir.

O problema é saber quem de fato vai acender o pavio. Que a segurança pública vigie.

E a população torça para que os primos mantenham o respeito e a paz.

 

 

Um vídeo do prefeito de Limoeiro de Anadia, Marlan Ferreira (PP), circulou nas redes sociais e em aplicativos de mensagens desde o início da manhã da última sexta-feira (17), com sérias acusações ao deputado estadual Antonio Albuquerque (Republicanos). Segundo ele, há um plano em andamento envolvendo um funcionário do parlamentar e o próprio Albuquerque.

O deputado teria denunciado à Secretaria de Segurança Pública de Alagoas (SSP) que o prefeito teria contratado um pistoleiro por R$ 200 mil para matar Paulo Pereira, que faz a segurança de Albuquerque. “De verdade, sequer conheço o aludido denunciante Paulo Pereira. Bem como ele também não me conhece, conforme consta o termo de declaração feito por ele na Secretaria de Estado da Segurança Pública”, refuta o prefeito.

Ao mesmo tempo, segundo Marlan, o deputado teria feito algumas ligações para familiares de Paulo provocando a tomarem iniciativa contra ele. “Das duas uma: ou o deputado pretende ceifar a vida de Paulo, considerando que o mesmo possa saber muito de sua vida, ou pretende induzir Paulo e seus familiares a tirar a minha própria vida”, conclui ele.

Em seguida, ele promete acionar autoridades do Ministério Público Estadual, Polícia Civil, Secretaria de Segurança Pública e o próprio governador Paulo Dantas (MDB). O prefeito de Limoeiro de Anadia também informou que pretende levar o caso ao conhecimento da Polícia Federal.