1 de março de 2024Informação, independência e credibilidade
Maceió

Passaporte na Jatiúca é interditado devido as precárias condições de higiene

Vigilância sanitária acusou um ambiente insalubre, com banheiros sujos e desorganização.

Condições de higiene do passaporte foram reprovadas pela Visa

A Vigilância Sanitária de Maceió (Visa) realizou uma interdição nesta terça-feira (6) em um estabelecimento localizado no bairro da Jatiúca e acusou diversas irregularidades, incluindo a ausência de condições adequadas de higiene, o que representa um risco iminente à saúde pública.

De acordo com o chefe especial da Visa, Airton Santos, o local apresentava equipamentos e utensílios fora dos padrões sanitários, além de um ambiente insalubre, banheiros sujos e desorganização.

Também foram encontrados alimentos de origem animal armazenados em temperatura ambiente, o que é completamente inaceitável do ponto de vista sanitário. Diante desse quadro preocupante, Santos afirmou que o estabelecimento não tinha condições de continuar funcionando e que o proprietário deverá realizar as devidas adequações antes de retomar suas atividades.

Como consequência da interdição, o estabelecimento foi autuado e deverá responder a um processo administrativo. A penalidade prevista para esse tipo de infração varia de multa no valor de R$ 180 a R$ 38 mil.

Uma vez notificado, o estabelecimento terá um prazo de 30 dias para se adequar às normas sanitárias e solicitar a desinterdição.