18 de abril de 2024Informação, independência e credibilidade
Policia

Polícia Militar de Alagoas tira das ruas aproximadamente 60 armas de fogo em uma semana

Mais de 21 quilos de drogas também foram apreendidos no mesmo período

Material apreendido durante essa semana. Foto: Ascom PMAL

Entre os dias 5 e 11 de novembro, a Polícia Militar de Alagoas apreendeu 59 armas de fogo e mais de 21 quilos de drogas. De acordo, com os dados contabilizados pela Seção de Estatística e Ciência Aplicada da PM (2ª Seção do Estado-Maior Geral), a partir da Central de Atendimento e Despacho (CAD), da Secretaria de Segurança Pública (SSP), das 59 armas de fogo apreendidas, 42 eram espingardas, 15 revólveres, uma pistola e um rifle.

As armas e munições foram apreendidas em intervenções policiais realizadas em municípios como Rio Largo, Maceió, Marechal Deodoro, São Miguel dos Campos, São Luís do Quitunde, Arapiraca, Jequiá da Praia, Mata Grande, Ibateguara, Matriz de Camaragibe, Craíbas e Marechal Deodoro. 31 delas foram em União dos Palmares.

 

Mais de 21 quilos de entorpecentes foram apreendidos por equipes da PM em cidades como Arapiraca, São Miguel dos Campos, Major Isidoro, União dos Palmares, Craíbas, Maceió, Matriz de Camaragibe, Rio Largo, entre outros. Foram: 12,12 quilos de maconha; 7,691 quilos de cocaína e 1,209 quilos de crack.

Outro destaque foi o número de Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO) confeccionados pelas guarnições: 18 no total, confeccionados por equipes atuando nos municípios de Maceió, Colônia Leopoldina, Palmeira dos Índios, Arapiraca, São José da Laje, Ouro Branco, Ibateguara, Jacuípe, Cajueiro, Boca da Mata, União dos Palmares, Mar Vermelho e Marechal Deodoro por ocorrências de naturezas diversas.

Ocorrências

Parte desse saldo deve-se a ações do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e outras equipes. Um dos fatos ocorreu na tarde de sexta-feira (10), na Travessa Silvio Sandes Torres, no Barro Duro, em Maceió. Foram apreendidos nove quilos de maconha, pouco mais de um quilo de cocaína e crack e duas balanças digitais de precisão.

O material foi encaminhado à Central de Flagrantes, porém ninguém foi preso.  A guarnição realizava patrulhamento no bairro quando viram dois indivíduos que, ao avistarem a viatura, fugiram. Durante as buscas no entorno, os policiais encontraram o material que os suspeitos deixaram para trás.

Em outra ação, durante cumprimento de mandado judicial em São Miguel dos Campos, um jovem de 23 anos de idade foi preso durante a operação denominada “Sem limites”. A operação teve o objetivo de cumprir mandados expedidos pela 17° Vara Criminal da Capital e foi realizada em conjunto com o setor de inteligência da Secretaria de Segurança Pública (SSP), Diretoria de Inteligência (DINT), Companhia de Policiamento de Choque (CPChoque), Batalhão de ROTAM e Grupamento Aéreo.

No endereço de um dos alvos, na cidade de São Miguel dos Campos, foi encontrado droga, balança de precisão, celulares e dinheiro. O indivíduo e o material apreendido foi conduzido à 6° Delegacia Regional de Polícia Civil de São Miguel dos Campos, onde foram realizados os procedimentos cabíveis.

Também em São Miguel dos Campos houve uma ocorrência envolvendo Porte ilegal de arma de fogo e Tráfico de drogas. O caso foi registrado por volta de 23h de sexta-feira, no Conjunto Hélio Jatobá 1 pela 1ª Companhia de Polícia Militar/Independente (1ª CPM/I) por meio de suas equipes de Pelopes e RP. Dois menores, ambos com 17 anos, foram apreendidos e um jovem de 19 anos foi preso.

A PM apreendeu uma espingarda calibre 12, dois revólveres (sendo um calibre 38 e outro 32), um simulacro de pistola, 22 munições de calibres diversos, 100 pedrinhas de crack, 180 gramas de crack em pedaços, um relógio de pulso, uma balança de precisão, três balaclavas (touca tipo ninja) e três aparelhos telefônicos. Diante de uma intensa busca, autores e material foram finalmente encaminhados à 6ª Delegacia Regional de Polícia, em São Miguel dos Campos.

De volta à capital, durante a madrugada de sábado (11), o 4° Batalhão de Polícia Militar (BPM), por meio da Força Tática e Serviço de Inteligência. O fato ocorreu em uma comunidade no Santos Dumont, e um revólver calibre 38 foi apreendido. As equipes chegaram ao local após denúncias de possível tráfico de drogas, mas foram recebidos com disparos e um dos policiais foi ferido na perna.

A equipe respondeu à injusta agressão. Um dos envolvidos foragiu, um segundo participante foi ferido e encaminhado ao Hospital Geral do Estado. Junto dele estava a arma de fogo. Já o militar foi levado ao Hospital, atendido, medicado e liberado em seguida. O caso foi encaminhado à Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).