5 de março de 2024Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Programa insere empresas lideradas por mulheres no mercado externo via e-commerce

Inscrições na iniciativa da Fiea, CNI e ApexBrasil estão abertas até 5 de fevereiro

Foto: Reprodução/Internet

A Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (Fiea), por meio do Centro Internacional de Negócios de Alagoas (CIN/AL), lançou um programa que tem o comércio eletrônico como estratégia de expansão e internacionalização de empresas brasileiras lideradas por mulheres. A iniciativa é fruto de parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e ApexBrasil.

O programa “Mulheres Globais: E-commerce como Estratégia de Expansão” é totalmente gratuito e online. Neste ciclo, serão beneficiadas empresárias de Alimentos e Bebidas, que podem se inscrever até o próximo dia 5 de fevereiro. Para isso, devem preencher o Perfil Empresarial da CNI e o Autodiagnóstico de Maturidade para o E-commerce, da ApexBrasil.

Estas ferramentas irão avaliar a maturidade da empresa para exportar via comércio eletrônico, para seleção das empresas que receberão as mentorias individuais e coletivas de forma gratuita.

As inscrições no programa estão disponíveis no link https://l1nq.com/mulheresglobaisalimentosebebidas. Para outras informações, o CIN/AL disponibiliza o e-mail [email protected] e os telefones: (82) 2121-3072/3076.

Moda e acessórios

Em seu primeiro ciclo, voltado para os setores de Moda e Acessórios, duas empresas alagoanas foram selecionadas para participar das mentorias individuais e coletivas. Uma delas foi a Caleidoscópio, no segmento de joias e acessórios, que exporta para mais de 17 países. A outra foi a Mon Petit Moi, que começou seu processo em busca da internacionalização no último ano. Ela também vende através do e-commerce para mercados como Portugal, Alemanha e Estados Unidos.