24 de abril de 2024Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Projetos Sefaz são selecionados para o concurso de Ações Inovadoras em Alagoas

Fazenda Pública de Alagoas foi escolhida com três projetos na categoria de Modernização da Gestão, Transparência e Governo Digital

Objetivo da premiação é reconhecer as melhores soluções desenvolvidas por servidores do estado. Foto: Agência Alagoas

A Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz-AL) foi selecionada com três projetos para o Concurso de Ações Inovadoras na Gestão do Poder Executivo de Alagoas deste ano, na categoria de Modernização da Gestão, Transparência e Governo Digital, promovido pela Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag).

O objetivo da premiação é reconhecer as melhores soluções desenvolvidas por servidores do estado e promover a cultura de inovação no setor público.

Os projetos foram apresentados nesta quinta-feira (30) no hotel Ritz, na capital alagoana. Os selecionados tiveram que expor as criações seguindo o modelo Pitch – apresentação rápida de uma ideia ou oportunidade de negócio, narrando de forma efetiva e direta para conquistar clientes e investidores.

Entre os projetos escolhidos está o “Sistema de Parcelamento Online”, liderado pelo superintendente Ascânio Brêda, que visa desburocratizar o parcelamento de débitos tributários, proporcionando aos contribuintes a comodidade de realizar o procedimento de forma digital.

“Há alguns anos, o procedimento envolvia abertura de processos, espera em filas e assinatura de documentos. Eram muitas etapas para realizar o parcelamento. Atualmente,  quando o débito é exigível, o contribuinte pode acessar o site e realizar o parcelamento online. Nosso projeto oferece maior facilidade e agilidade, permitindo que o contribuinte regularize sua situação fiscal de forma eficiente, contribuindo para o aprimoramento da arrecadação estadual”, explicou Ascânio.

Outro destaque é o projeto “Cálculo Automático/Cobrança DF-e”, sob responsabilidade da chefe de Cálculo Automático, Nanci Nascimento. Esse projeto representa uma melhoria na cobrança de ICMS nas entradas interestaduais de mercadorias em Alagoas.

“A plataforma Cobrança DF-e facilita ao contribuinte o cumprimento voluntário das obrigações, e garante a efetividade e celeridade na cobrança administrativa, através da apresentação dos valores de ICMS calculados item a item das NF-e. Esses fatores repercutem no incremento da arrecadação do estado, com consequente retorno em investimentos para a sociedade”, disse Nanci Nascimento.

O terceiro projeto é o “Conciliação Bancária Automática”, conduzido pela assessora especial de Normatização, Cássia Gerbase. Essa iniciativa representa uma grande modernização na conciliação bancária, eliminando processos manuais e proporcionando automação, celeridade, transparência e segurança ao processo, conforme explicou a assessora.

“Anteriormente, os órgãos estaduais realizavam a conciliação totalmente de forma manual, para o servidor executar a tarefa, imprimia os extratos bancários e identificava entre os diversos lançamentos aqueles que seriam correlatos no sistema. Hoje, todo esse processo é realizado de forma automática dentro do Siafe. Os extratos são carregados automaticamente e fazem relação com os lançamentos do sistema de acordo com os períodos conciliados, trazendo automação, celeridade, transparência e total segurança ao processo”, afirmou.

A secretária da Fazenda, Renata dos Santos, enfatizou que a Sefaz-AL está à frente de iniciativas para engajar os contribuintes de forma eficiente. “A Fazenda de Alagoas está na vanguarda de projetos inovadores que buscam estreitar a relação entre o Fisco e o contribuinte da melhor maneira. Estamos comprometidos em garantir a modernização da gestão pública, e o concurso de ações inovadores proporciona a visibilidade necessária para que as pessoas conheçam um pouco mais do que vem sendo desenvolvido aqui na casa”, ressaltou.