5 de março de 2024Informação, independência e credibilidade
Maceió

Sancionada lei do novo regulamento e redução de taxas para taxistas de Maceió

Antigo regulamento era de 1997 e agora novos benefícios serão garantidos para os profissionais

Prefeito JHC sanciona lei do novo regulamento e redução de taxas para taxistas
JHC reforçou que agora os profissionais contam com portas abertas para o diálogo. Foto: Itawi Albuquerque / Secom Maceió

O prefeito de Maceió, JHC, sancionou nesta terça-feira (23) a lei do novo regulamento do táxi e redução de taxas para os profissionais. O último regulamento era de 1997 e foi atualizado pela atual gestão municipal. Durante a solenidade, JHC reforçou que agora os profissionais contam com portas abertas para o diálogo.

“O novo regulamento simboliza a modernização. O táxi também precisa se atualizar e vocês estavam ávidos para isso, mas só encontravam dificuldades, falta de diálogo. E hoje as portas estão abertas, e é por isso que fizemos um novo regulamento e baixamos as taxas. Para que cobrar tanto para quem já está na lida diária? A Prefeitura precisa ser parceira, precisa ajudar, porque vocês são fundamentais na nossa cidade”, destacou.

O prefeito afirmou ainda que tem preparado a cidade para quem é de Maceió e para quem é de fora. “A cidade vai mudando de acordo com as transformações que vamos fazendo. Estamos investindo no turismo, as oportunidades não param e não tem mais isso de alta temporada, é alta temporada todos os meses. Então são mais oportunidades para vocês, porque quando a gente cuida da nossa cidade para quem mora aqui também fica bom para quem vem de fora”, disse.

Com a nova regulamentação, a permissão para taxistas passa para autorização. Isso garante que a convocação de novos autorizatários aconteça de forma menos burocrática e mais rápida. Além disso, cada motorista auxiliar deve ser vinculado a uma única autorização, e cada autorização poderá cadastrar até três motoristas auxiliares.

“Algo nunca visto”

Marivaldo Nascimento, 48 anos, é taxista em Maceió há 28 anos. Ele falou que a medida vai melhorar o trabalho dos profissionais. “Hoje a gente vê se tornar real um projeto que já existia e só agora alguém teve coragem de aprovar e sancionar. Uma medida que vai melhorar bastante a vida do trabalhador. Essa redução de taxas, algo nunca visto aqui, vai fazer uma grande diferença em casa, no dia a dia”, disse.

A partir de agora, o autorizatário poderá cadastrar veículos do tipo picapes compactas/intermediárias, para facilitar o translado das bagagens e compras dos clientes. Ficam criadas três categorias de autorização de táxi que são: convencional, turismo e especial. O táxi especial é a autorização para o antigo táxi lotação, que agora será regulamentado.

O presidente da Associação dos Taxistas, Everaldo Júnior, agradeceu pela valorização da atual gestão. “Para mim o mais importante é a valorização, o respeito e o reconhecimento dos taxistas, principalmente aqueles que fazem lotação. E foi o que sempre pedi, que foi o reconhecimento e hoje temos pessoas que nos atendem numa boa e contribuem para o desenvolvimento da nossa profissão”, disse.

Novas taxas

Nesta terça-feira (23) Também será sancionada lei que reduz taxas para os taxistas. A nova lei reduz em 65% as taxas de permissão e remoção dos profissionais. Atualmente, para garantir a permissão, é pago o valor de R$3.617,95 e com a nova lei passa para R$1.378. Já o valor da renovação, que é R$ 185,98, passa a ser de R$ 54,85.

Participaram da solenidade, os vereadores Chico Filho, Cal Moureira e Fábio Rogério.