19 de maio de 2024Informação, independência e credibilidade
Brasil

Socorristas do Salva Mais Alagoas prestam assistência aos atingidos pelas enchentes do RS

Vinte integrantes do programa estão atuando pela Força Nacional do SUS

Para os serviços prestados pelo Corpo de Bombeiros, foram encaminhados 12 militares. Foto: Divulgação / Sesau

O Programa Salva Mais Alagoas, que integra o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBM/AL), enviou 20 integrantes para prestar assistência aos atingidos pelas enchentes no Estado do Rio Grande do Sul. Os profissionais estão desenvolvendo atividades nas áreas de medicina e enfermagem, por meio da operação montada pela Força Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS).

De acordo com a coordenadora do programa Salva Mais, enfermeira Elaine Monteiro, para as ocorrências relativas ao Serviço Aeromédico foram encaminhados quatro médicos e quatro enfermeiros do Samu. Já para os serviços do CBM/AL, foram encaminhados 12 bombeiros militares.

“A ação está sendo desenvolvida para auxiliar todo o Rio Grande do Sul nesta grande catástrofe. Importante mencionar que o Governo do Estado também encaminhou equipamentos para realização das operações por nossos médicos e enfermeiros. Além disso, nosso pessoal está ajudando no resgate de pessoas, animais e salvando vidas, auxiliando o Ministério da Saúde nas ações por ele direcionada”, salientou Elaine Monteiro.

Programa Salva Mais

O Programa Salva Mais, instituído pelo governador Paulo Dantas, é uma iniciativa inovadora, que integra, por meio de uma Central de Regulação Única, o CBM/AL e o Samu, “Essa integração visa otimizar o atendimento pré-hospitalar no Estado, reunindo pessoal e equipamentos em uma estrutura unificada. Dessa forma, o programa possibilita uma resposta mais rápida e eficiente às demandas da população, garantindo um atendimento de qualidade e salvando mais vidas”, disse a coordenadora do Salva Mais.

Para o secretário de Estado da Saúde, o médico Gustavo Pontes, o Governo de Alagoas, por meio do governador Paulo Dantas, não mediu esforços para ajudar o Estado do RS. “Estamos aqui para servir, no que pudermos ajudar, seja com a mão de obra do nosso pessoal e com equipamentos. É o nosso dever como cidadão. Espero que em breve o povo gaúcho possa se recuperar dessa grande tragédia ambiental”, frisou o gestor da saúde alagoana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.