14 de junho de 2024Informação, independência e credibilidade
Policia

SSP e FAF promovem campanha de divulgação do Disque-Denúncia no Rei Pelé

Primeira ação ocorreu no jogo entre CSA e Pouso Alegre/MG pela Série C do Brasileiro

Equipe do canal de denúncias da SSP exibiu faixa com informações sobre o serviço Disque-denúncia que é oferecido para toda a população alagoana. Foto: Morgana Oliveira e Roberison Xavier/Ascom

A Secretaria de Estado da Segurança Pública e a Federação Alagoana de Futebol deram início a uma campanha de conscientização sobre a importância do Disque-Denúncia, o 181. A primeira ação ocorreu, na tarde do domingo (30), no Estádio Rei Pelé, no Trapiche da Barra, em Maceió.

Durante o jogo entre CSA e Pouso Alegre, de Minas Gerais, pela 15ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro, a equipe do canal de denúncias da SSP exibiu uma faixa com informações sobre o serviço que é oferecido para toda a população alagoana, que pode colaborar com as ações de combate ao crime em todo o estado.

Paralelamente a essa ação educativa conjunta, o espaço para as denúncias contará com uma opção de tipo de natureza específica para receber informações que envolvam o racismo e a intolerância esportiva, além de possíveis casos de manipulação de resultados.

Para a chefe do Disque-Denúncia da SSP, Eliane Araújo, a ação integrada reforça a importância do trabalho que vem sendo desenvolvido contra a criminalidade como um todo e amplia a atuação no combate aos crimes no âmbito do esporte.

“É um evento com milhares de pessoas e isso possibilita um contato direto com o público esportivo. Estivemos entregando panfletos também, explicando um pouco do serviço que tanto tem contribuído para as forças de segurança. Queremos contar ainda mais com a população para combater todos os crimes, em especial, o racismo e a intolerância esportiva, que infelizmente temos visto registros em todo o mundo. O 181 também poderá ser usado para ajudar nas investigações contra a combinação de resultados, que prejudica tanto as competições esportistas”.

O presidente da FAF, Felipe Feijó, também destacou sobre a importância da ação conjunta.

“Toda campanha que seja benéfica para a sociedade, vale a pena ser engajada. Em parceria com a SSP, agora temos a oportunidade de, através do Disque-Denúncia, denunciar os crimes cometidos no futebol pelo site, aplicativo ou pelo telefone 181. Seja manipulação de resultados, racismo, homofobia, violência, qualquer tipo de natureza que seja no futebol, o torcedor e o público em geral vão poder fazer essa denúncia de forma anônima. Então, vamos continuar dando espaço para que os alagoanos vejam a importância do Disque-Denúncia”.

A ação deve continuar também nos próximos jogos que devem ocorrer no estádio Rei Pelé.