29 de novembro de 2021Informação, independência e credibilidade

Tag: Casa Civil

Novo Ministro de Bolsonaro fez gastos questionáveis durante a intervenção no Rio

Novo Ministro de Bolsonaro fez gastos questionáveis durante a intervenção no Rio

Brasil
Novo ministro-chefe da Casa Civil do governo Jair Bolsonaro (sem partido), o general Walter Braga Netto deixou o comando da Intervenção Federal na Segurança Pública do Rio de Janeiro com resultados questionáveis do ponto de vista da gestão dos recursos públicos. Dados do Portal da Transparência da União mostram que ele só conseguiu gastar 10% das verbas disponibilizadas para as ações de segurança durante seu período no cargo, em uma mistura de falta de planejamento e transparência nos gastos. A posse de Braga Netto está marcada para a tarde desta terça (18), em Brasília. À frente da Casa Civil, o general terá o desafio de tocar funções importantes na burocracia federal, como administrar as nomeações para cargos de confiança no topo da máquina pública, tanto na administração diret
Bolsonaro estuda até colocar Onyx como Ministro da Educação

Bolsonaro estuda até colocar Onyx como Ministro da Educação

Política
O presidente Jair Bolsonaro dedicou sua sexta-feira (31) para encontrar uma saída para a crise política que tem como protagonista o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM). Após esvaziar as funções do auxiliar do Ministro, retirando na quinta-feira (30) de seu comando o PPI (Programa de Parceria de Investimentos), o presidente agora discute formas de contemplar o aliado em outro cargo na Esplanada dos Ministérios. Entretanto, nos bastidores Bolsonaro tem lembrado que Onyx foi um aliado de primeira hora e que, mesmo insatisfeito com o seu trabalho na Casa Civil, não pretende abandoná-lo. Para tentar chegar a uma solução, o presidente se reuniu na manhã desta sexta-feira (31) com os ministros da Secretaria-Geral, Jorge Oliveira, e do GSI (Gabinete de Segurança Institucional
Onyx perde força na Casa Civil e é mais um ministro fritado no Governo

Onyx perde força na Casa Civil e é mais um ministro fritado no Governo

Política
Antes articulador dos principais projetos do Governo Bolsonaro no Congresso, o ministro da Casal Civil Onyx Lorenzoni vai ficando de escanteio e vendo sua relevância cada vez mais enfraquecida. Lorenzoni disse a aliados nesta quinta (30) ter ficado surpreso com a decisão de Jair Bolsonaro de retirar a gestão do PPI (Programa de Parcerias e Investimentos) da alçada de sua pasta. Com isso, Paulo Guedes (Economia) passará a ter controle sobre o programa de incentivo a concessões e privatizações, esvaziando ainda mais os poderes de Onyx. Ainda de férias, ele afirmou que precisava conversar com o presidente para compreender o objetivo de sua fritura e enfraquecimento. Integrantes da cúpula do DEM viram no gesto um golpe desleal e já defendem que o correligionário peça para sair.
Após apenas ‘mudança de cargo’, Bolsonaro vai exonerar Santini definitivamente

Após apenas ‘mudança de cargo’, Bolsonaro vai exonerar Santini definitivamente

Política
O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou na manhã desta quinta-feira (30) que irá exonerar José Vicente Santini do cargo de assessor especial de relacionamento externo da Casa Civil. Ele foi nomeado para o posto na quarta (29), um dia depois de ser demitido publicamente por Bolsonaro do cargo de secretário-executivo da pasta, após utilizar um avião da FAB para se deslocar para a Suíça e de lá para a Índia. - Informo que em Diário Oficial será publicado: - Tornar sem efeito a admissão do servidor Santini; - Exonerar o interino da Casa Civil; e - Passar a PPI da Casa Civil para o Ministério da Economia. — Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) January 30, 2020 No anúncio da segunda exoneração de Santini, Bolsonaro afirma também que irá exonerar o secretário-executiv
Bolsonaro afasta Número Dois da Casa Civil por usar voo da FAB para Suíça e Índia

Bolsonaro afasta Número Dois da Casa Civil por usar voo da FAB para Suíça e Índia

Política
Jair Bolsonaro decidiu, nesta terça-feira (28) tirar Vicente Santini do cargo de secretário-executivo da Casa Civil. Número dois da pasta, ele viajou à Índia em uma aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB) e irritou o presidente. A destituição de Santini do cargo foi anunciada em entrevista na chegada ao Palácio da Alvorada, após retornar da viagem oficial que fez à Índia. O Número dois da Casa Civil utilizou o voo da FAB na condição de ministro em exercício, já que o titular Onyx Lorenzoni está em férias. Santini viajou no dia 21 do Brasil para Davos, na Suíça, onde participou do Fórum Econômico Mundial, e de lá para a cidade indiana, onde se juntou à comitiva presidencial. Todos os deslocamentos foram feitos em um jato Legacy, da Aeronáutica. Bolsonaro ficou irritado, pois S