6 de março de 2021Informação, independência e credibilidade

Tag: #OAM

Collor faz pose sorridente nas redes sociais e é cobrado por não pagar trabalhadores

Collor faz pose sorridente nas redes sociais e é cobrado por não pagar trabalhadores

Blog, Marcelo Firmino
Ansioso para ser o candidato de Jair Bolsonaro para o Senado Federal em 2022, o senador Fernando Collor passou a usar as redes sociais de forma quase compulsiva. Sua constante presença em aplicativos como Twitter, Instagram e Facebook demonstram a clara intenção do novo "amigo de infância" de Jair Messias. Nas redes, parece mais um menino que ganhou um brinquedo novo e quer aparecer com ele para todos. Em cada postagem se apresenta cristalinamente como um bolsonarista quase raíz. Criticado pelo ator Bruno Gagliasso, ele disparou de volta: "Vai para Noronha e para encher o saco". As respostas contra quem o critica são disso para lá. Collor se aproximou de Bolsonaro e agora é da base, mesmo já tendo sido chamado de "mentiroso" pelo Capitão, entre outros adjetivos impublicá
Recuperação judicial da Gazeta: Definido interventor do grupo de Collor

Recuperação judicial da Gazeta: Definido interventor do grupo de Collor

Justiça
Um interventor para as Organizações Arnon de Melo (OAM), de propriedade do senador Fernando Collor, foi nomeado pelo juiz Erick Costa de Oliveira Filho da 10ª Vara Civel de Maceió. A responsável pela administração da empresa durante a recuperação judicial será a Lindoso e Araújo Consultoria Empresarial Ltda, a mesma responsável pela massa falida do Grupo Laginha. O magistrado foi o mesmo que, após conceder liminar para a OAM, suspendeu a segunda chamada do leilão de prédios da Organização, como os prédios da TV Gazeta de Alagoas e atendeu um pedido de recuperação judicial. Na justificava do cancelamento, o juiz Erick Costa Filho mencionou os termos do artigo 47 da Lei de Recuperação Judicial, dizendo que o mesmo precisa “garantir a preservação da empresa, sua função social e o
Quem é mesmo que vai arrematar os prédios de Collor?

Quem é mesmo que vai arrematar os prédios de Collor?

Blog, Marcelo Firmino, Notícias
Quando 16 de agosto chegar, a justiça federal em Alagoas estará realizando o leilão dos prédios do senador Fernando Collor de Mello, hipotecados para o pagamento de um paiol de dívidas que vão além de R$ 280 milhões. Os números foram levantados em reportagem do UOL. As dívidas são originárias de anos luz de sonegação de impostos e do não pagamento de dívidas trabalhistas dentro das empresas do senador, controladas pela Organização Arnon de Mello (OAM). A questão é: Quem vai mesmo arrematar no leilão os prédios "colloridos"? A pergunta tem razão de ser por que não é a primeira vez que o patrimônio de sua Excelência vai a leilão e nada se resolve. Ou seja, não aparece uma viva alma para fazer um lance. Há quem diga que isso sempre acontece por que as elites econômicas nesta t