16 de junho de 2024Informação, independência e credibilidade
Expresso

Vigilância Sanitária flagra irregularidades e interdita passaporte em Jacarecica

Falta de higiene, alimentos estragados e falta de controle de pragas levaram à interdição; proprietário tem 30 dias para adequar o local às normas sanitárias e solicitar a desinterdição

Vigilância Sanitária flagra irregularidades e interdita passaporte em Jacarecica
Local foi autuado e deverá responder a processo administrativo. Foto: Visa Maceió
Em mais um trabalho de fiscalização pelos bairros de Maceió, realizado nessa quarta-feira (3), a Vigilância Sanitária interditou uma lanchonete localizada no bairro Jacarecica. Durante a inspeção, fiscais identificaram o local com diversas irregularidades, incluindo higienização precária, presença de alimentos estragados e ausência de controle de pragas.

“Encontramos o estabelecimento sem a menor condição de continuar em funcionamento por apresentar um ambiente totalmente insalubre, que estava representando grande risco à saúde de seus consumidores. Diante do flagrante, orientamos sobre a adequada forma de comercializar os produtos, interditamos e esperamos que o proprietário tome as providências necessárias para voltar a funcionar”, disse o chefe especial da Visa, Airton Santos.

O estabelecimento foi autuado e deverá responder a processo administrativo, cuja penalidade inclui multa no valor de R$ 180 a R$ 38 mil. O prazo para adequação do local às normas sanitárias e pedido de desinterdição é de 30 dias.

Denúncia

Para denunciar irregularidades, observadas em estabelecimentos fora das adequações sanitárias e que causam riscos à saúde da população, os maceioenses podem entrar em contato pelo telefone (82) 3312-5495, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, ou pelo WhatsApp (82) 98752-2000, que funciona 24h, todos os dias, para o recebimento de mensagem de texto, foto e/ou vídeo. Todas as denúncias são anônimas, garantindo o sigilo do denunciante.